Pixelbook vive! Google não vai abandonar mercado de notebooks e tablets

1 min de leitura
Imagem de: Pixelbook vive! Google não vai abandonar mercado de notebooks e tablets
Fonte: digitaltrends
Avatar do autor

Em uma sessão com jornalistas e desenvolvedores na Cloud Next 2019, a Google informou que vai manter sua linha de tablets e notebooks ativa no mercado internacional. Um rumor divulgado na web no mês passado havia informado que a empresa estava enxugando sua equipe de hardware, remanejando funcionários para outros setores por ter supostamente cancelado produtos em desenvolvimento.

Suspeitava-se que os produtos cancelados seriam novos Pixelbooke Pixel Slate, mas nada disso foi confirmado na época. Agora, a Google apareceu em uma feira dizendo como as novas versões desses mesmos produtos devem ser interessantes para produtividade fora do local de trabalho tradicional.

Existem algumas coisas específicas que podemos fazer diferente

“Existem algumas coisas específicas que podemos fazer diferente do que vimos nos Pixelbook e Pixel Slate que poderão entregar às pessoas o que elas querem quando buscam trabalhar nessa nova e modera focada em nuvem”, disse Steve Jacobs, líder da equipe que trabalha com o Pixelbook na Google.

Essas informações foram primeiramente divulgadas na web pelo 9to5Google, mas o pessoal do The Verge chegou a receber uma confirmação oficial da Google de que as linhas de notebooks e tablets da empresa não estão canceladas, desmentindo o rumor anterior.

Não há como saber se a Google realmente remanejou uma quantidade significativa de pessoal de um “projeto falido” para algum mais urgente, mas o fato é que, se isso aconteceu, não deve ter impactado a divisão que trabalha com os ditos computadores portáteis.

Além de desmentir o rumor, a seção da Google na Cloud Next 2019 também introduziu uma nova linha de pensamento para os dispositivos de hardware da empresa, que serão agora mais focados em produtividade, especialmente produtividade fora do ambiente de trabalho. A empresa está chamando essa iniciativa de “Google Hardware for Business”, mas essa não parece ser uma marca comercial que a empresa pretende usar em produtos futuros.

Nenhum dispositivo foi de fato anunciado na ocasião, mas os executivos da companhia confirmaram que algo novo será lançado eventualmente. A Google tradicionalmente apresenta novos produtos de hardware em eventos no mês de outubro de cada ano, o mesmo em que smartphones Pixel são mostrados.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Pixelbook vive! Google não vai abandonar mercado de notebooks e tablets