Micro LED 75’’: Samsung apresenta versão “doméstica” da gigante The Wall

2 min de leitura
Imagem de: Micro LED 75’’: Samsung apresenta versão “doméstica” da gigante The Wall
Avatar do autor

A Samsung acaba de apresentar em seu evento First Look, na “pré-CES 2019”, a sua TV Micro LED 75’’. Como o nome já indica, trata-se de um televisor com tela de 75 polegadas e tecnologia Micro LED, a mesma utilizada na famosa The Wall, a gigantesca TV modular da Samsung de 146’’.

A diferença é que, neste ano, a Samsung conseguiu diminuir a distância ente os pixels do painel e obter uma tela com resolução 4K em um tamanho mais “doméstico”, que pode caber na parede da sala da maioria das residências.

Não há ainda qualquer previsão sobre quando a Samsung pretende colocar esse dispositivo de fato à venda, mas, considerando que a marca já é capaz de fabricar o aparelho em um formato mais amigável ao consumidor comum, isso não deve demorar a acontecer.

Por que o Micro LED?

O TecMundo conversou em Las Vegas com Guilherme Campos, gerente de produto para TVs da Samsung Brasil, que ressaltou que a nova Micro LED é mais viável para o usuário doméstico. “Do ano passado para este ano conseguimos uma evolução que entrega uma ‘The Wall’ em telas menores, mais viáveis para uma casa”.

Essa otimização da tecnologia que a Samsung já possuía melhora a qualidade de reprodução de imagem e ainda entrega mais flexibilidade na hora de montar a TV. Como se trata de um painel modular, o consumidor pode colocá-la na parede da forma que bem desejar, seja em padrões mais regulares, como o 16:9 ou o mais moderno 18:9, ou ainda em formatos totalmente irregulares, como 9:3, 1:7 etc.

O dispositivo quase deixa de ser uma TV para se transformar em peça decorativa em uma parede.

Outra vantagem interessante é que esse tipo de TV da coreana não tem bordas em volta do display. Tanto é que você pode adicionar mais módulos para incrementar o tamanho e a resolução da tela sem que seja preciso retirar qualquer tipo de moldura ou fazer adaptações para esconder frestas. É só colocar mais “pedaços”.

Infelizmente, a Samsung ainda não divulga detalhes técnicos sobre como funciona essa modularidade na prática. O que já sabemos é que ela terá um consumo baixo de energia e, por não contar com material orgânico (OLED), não é suscetível ao temido “burn-in”.

“O burn-in é uma preocupação real. No Brasil, se você pesquisar nas redes socias, há muita gente falando desse problema em materiais orgânicos, que é o caso do OLED. É por isso que nós insistimos em TVs de qualidade com material inorgânico, tanto a QLED quanto a Micro LED The Wall”, alertou Campos.

A Samsung deve ter mais detalhes sobre suas novas TVs em sua conferência nesta segunda-feira (7) e também durante a CES 2019. Fique ligado na nossa cobertura.

O jornalista Leonardo Müller viajou à Las Vegas a convite da Samsung.

Cupons de desconto TecMundo:

Fontes

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Micro LED 75’’: Samsung apresenta versão “doméstica” da gigante The Wall