Puma relança seu tênis com chip de computador de 1986

1 min de leitura
Imagem de: Puma relança seu tênis com chip de computador de 1986
Avatar do autor

A Puma anunciou o relançamento de seu RS-Computer. O tênis veio ao mundo em 1986 e contava com uma tecnologia muito avançada para a época. Na parte da frente, ele era semelhante à maioria dos calçados esportivos, mas sua traseira era equipada com um chip de computador, que armazenava dados de corrida de seu usuário, como: tempo, distância percorrida e calorias gastas. Para visualizar essas informações, era preciso conectá-lo a um computador Apple IIE/Commodore 64 (veja imagem abaixo com anúncio original). Dessa forma, ele tinha funções quase parecidas com as que um app fitness tem nos dias de hoje.

A nova versão do RS-Computer segue a mesma estética oitentista, mas com tecnologia atualizada (veja foto a seguir). Assim, tem indicadores de LED, um aplicativo próprio, conexão via Bluetooth a aparelhos Android ou iOS e um cabo USB para que sua bateria possa ser recarregada. Ainda na linha retrô, seu app RS Computer Shoe foi projetado com gráficos ao estilo 8 bits, trazendo como adicional um game também em 8 bits para diversão, em especial, dos mais nostálgicos. Além disso, conta com um miniacelerômetro de três eixos e capacidade de armazenamento de dados por 30 dias — no caso, número de passos, calorias e distância percorrida.

No entanto, o tênis old school da Puma não deve ser mais comprado facilmente: foram produzidos somente 86 pares numerados do calçado, com vendas iniciadas no dia 13 deste mês. Logo, nessa altura, os colecionadores mais ávidos de edições limitadíssimas já levaram o sapato para casa. A companhia não falou sobre valores, apenas que estaria disponível em lojas da marca e algumas redes varejistas em Tóquio, Berlim e Londres.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
Puma relança seu tênis com chip de computador de 1986