A DJI anunciou hoje (29) uma versão corporativa do seu bem-sucedido drone Mavic 2. O aparelho poderá ser utilizado por empresas e instituições governamentais para as mais diversas aplicações, contando com um design compatível com acessórios modulares.

O drone é basicamente o mesmo aparelho voltado para o consumidor final, mas com algumas melhorias. Esses acessórios modulares, por exemplo, expandem a funcionalidade do aparelho, que poderá ser utilizado a noite, em situações de emergência e mesmo em condições climáticas críticas.

Um dos acessórios é uma lanterna que permite ao drone enxergar o caminho durante a noite. Há também um alto-falante para transmitir avisos sonoros para grandes ou pequenos grupos, o que pode ser útil em resgates, por exemplo. Temos ainda uma espécie de referencial visual que pode ser utilizado para tonar o drone mais visível no ar.

droneDJI Mavic 2 corporativo (fonte: divulgação)

Todos esses acessórios poderão ser controlados diretamente no app da DJI, e o novo drone conta com 24 GB de armazenamento local protegido por criptografia com senha. Toda as imagens são armazenadas com referências de tempo e localização obtida por GPS.

Além disso, sua bateria é capaz de produzir seu próprio calor. Dessa maneira, o drone é capaz de voar em temperaturas de até -10° C.

O produto será vendido por US$ 2 mil. O preço inclui o drone em si, controle remoto, bateria especial, todos os acessórios citados e uma capa para transporte.