Apesar de nunca ter se destacado muito nessa categoria, a Google não desiste de sua linha de tablets, concorrentes diretos dos iPads da Apple e da série Surface da Microsoft. O público alvo da empresa é notavelmente alunos e professores, os responsáveis pelo sucesso moderado dos laptops com Chrome OS e agora o tablet Pixel Slate carrega a responsabilidade de manter o sistema operacional popular entre os consumidores.

Um dispositivo que muito possivelmente é o Google Pixel Slate apareceu em testes de benchmark e mostram uma configuração poderosíssima

Além disso, para agradar ainda mais a clientela, a Google deve permitir que o usuário escolha na hora do boot se quer usar o Chrome OS ou o Windows 10, tornando o dispositivo ainda mais acessível e agradável para todos os gostos.

Será que é?

Com isso, um dispositivo que muito possivelmente é o Google Pixel Slate apareceu em testes de benchmark e mostram uma configuração poderosíssima. Vale lembrar também que pode se tratar de um benchmark feito apenas para testar hardware e não necessariamente de um dispositivo ou protótipo em si, mas mesmo assim, as informações são bastante interessantes.

Google Pixel Slate benchmark reveals 16GB RAM version with Intel Core i7

Usando o codinome de “nocturne”, o dispositivo mostra 16 GB de memória RAM e um processador Intel Core i7-8500Y, que apesar de não ser dos mais velozes, operando a 1,5 GHz e com frequência turbo de 4,2 GHz, é perfeito para um dispositivo 2 em 1 que busca ter um grande desempenho e ao mesmo tempo economizar energia para ter uma bateria mais duradoura. Vale a pena ficar de olha para ver o que a Google tem na manga nessa categoria de mercado.

Cupons de desconto TecMundo: