A Oculus anunciou hoje (26) a sua mais recente aposta em realidade virtual (VR) dedicada aos games, o Oculus Quest. O dispositivo é o primeiro headset tudo em um feito para a jogatina da empresa e oferece seis graus de liberdade, controles sensíveis ao toque  e uma experiência livre de cabos ou sensores externos.

A fabricante garante já ter preparada uma biblioteca com 50 jogos para o lançamento do Oculus Quest, ou seja, quando ele chegar às prateleiras em 2019, bastará escolher os jogos e entrar em um novo universo de realidade virtual. Para guardar tudo isso, há dentro do dispositivo 64 GB para armazenamento.

O novo headset foi anunciado com a promessa de entregar ao usuário uma experiência precisa graças à tecnologia Oculus Insight, que usa algoritmos de visão computacional e sensores ultragrande angular para identificar a posição exata do jogador. Isso garante imersão e senso de mobilidade e presença a quem está equipado com o dispositivo.

Os controles Touch “levam as suas mãos de verdade para dentro do VR”, garante a Oculus, prometendo uma experiência precisa também do ponto de vista de interatividade. Diante de seus olhos, o jogador verá telas de resolução 1600x1440 pixel em cada olho, com direito a lentes ajustáveis para maior conforto. Completa o kit um sistema de áudio de alta definição para uma experiência sonora imersiva.

Preço e disponibilidade

O Oculus Quest chega às lojas no segundo trimestre de 2019 e cada unidade sai por US$ 399, cerca de R$ 1.600.