As utilidades de drones estão longe de serem todas descobertas. Muito noticiado, o uso desses dispostivos parece ser apenas para pesquisas, fotografias e lazer. Contudo, eles podem desempenhar várias outras funções.

Diante disso, a IBM solicitou registro de patente de um novo drone ao Escritório de Patentes e Marcas dos Estados Unidos. O aparelho possui quatro hélices e um sistema de fixação para o café e foi idealizado para trabalhar em locais fechados, como escritórios ou galpões.

Para identificar os pedidos, o novo "barista" utiliza sistema de inteligência artificial, reconhecimento facial e de voz, bem como Bluetooth  tornando-o capaz de entregar a bebida em qualquer lugar naquele espaço. Além disso, com base em análise de expressões faciais e dilatação das pupilas, seu algoritmo permite perceber qual usuário está necessitando de uma bebida.

Essa iniciativa não é exclusiva da IBM. Uma startup chamada The Coffee Virus, da capital da Holanda, já trabalha com drones entregadores de café. Embora se trate de uma solução menos cara, o Coffee Copter também é capaz de entregar bebidas quentes em espaços fechados por meio de aplicativo.

Até o momento, não se sabe a data de anúncio ou lançamento do projeto da IBM. Será que ainda vamos precisar esperar muito para ver os novos "baristas" em ação?