A Acer anunciou que vai fabricar e vender no Brasil o seu Chromebook N7, um dispositivo dedicado ao uso escolar. Para durar nas mãos das crianças, o aparelho conta com uma carcaça reforçada e certificação militar, o que garante que ele consegue sobreviver a quedas com mais de um metro de altura, entre outros maus tratos.

O teclado do aparelho ainda é à prova d’água, e as teclas são recuadas para que crianças não consigam arrancá-las do computador.  O hardware, por outro lado, é bem simples: ele conta com processador Intel Celeron dual-core, com 1,6 GHz de clock e possui 4 GB de memória RAM. A tela mede 11,6’’ e oferece resolução HD. O armazenamento interno é pequeno, com apenas 32 GB disponíveis, mas isso é bastante comum nesse tipo de computador com o sistema operacional da Google.

chromebook n7Acer Chromebook N7 que será fabricado no Brasil

O computador é capaz de durar até 13 horas de uso contínuo longe das tomadas

No que diz respeito à conectividade, ele conta com WiFi, duas portas USB-A, uma HDMI e também espaço para cartões de memória SD em tamanho real. Uma especificação interessante, entretanto, é a da bateria. De acordo com a fabricante, o computador é capaz de durar até 13 horas de uso contínuo longe das tomadas.

Até esse momento, a empresa não revelou quando exatamente o dispositivo chegará ao mercado nacional, tampouco quanto ele vai custar. A marca simplesmente revela que deseja ser a líder no mercado de Chromebooks no Brasil.

“A Acer tem um portfólio inovador para o mercado de educação que engloba notebooks, projetores, monitores e soluções do Google. Para nós é muito importante começar a produzir esse produto pela primeira vez no país, já que somos líderes no segmento de Chromebooks mundialmente e queremos conquistar isso no mercado brasileiro”, explica Anderson Kanno, Diretor de Marketing & Vendas da Acer no Brasil.