A AMD não está para brincadeira na Computex 2018 e, depois de mostrar o seu processador de 32 núcleos, a companhia estadunidense apresentou também o primeiro processador gráfico de 7 nanômetros do mundo. A Vega promete desempenho 35% superior em relação à geração anterior, de 14 nm, consumindo metade da energia.

Apesar do poderio, o seu foco não será os gamers, ao menos não por enquanto. A AMD garante que o equipamento foi pensado para trabalhar em data centers e estações de trabalho que demandem um alto poderio no processamento gráfico.

Vale lembrar, ainda, que a peça vem para rivalizar em um setor atualmente dominado pela tecnologia CUDA, da NVIDIA. Ainda em comparação, a NVIDIA não chegou a um dispositivo de processamento de 7 nm — a tecnologia Volta tem "apenas" 12 nm —, então, a AMD parece ter boas chances.

vega gpuGPU Vega foi apresentada pela AMD nesta terça (5).

Assim como aconteceu com a segunda geração dos processadores Ryzen Threadripper, a AMD não deu muitos detalhes de seu novo produto, mas confirmou que ele terá 32 GB de memória HBM2. A nova GPU Vega ainda não tem preço definido nem data de lançamento confirmada, mas chega no segundo semestre de 2018.