Um cachorrinho caiu em um córrego em Nova Deli, na Índia, e foi resgatado de forma brilhante por um drone. O equipamento, modificado e controlado pelo engenheiro Milind Raj, foi alterado exatamente para este fim, após o profissional encontrar o animal preso entre duas rodas no córrego de drenagem da cidade.

Segundo relatou ao NDTV, moradores da região contaram que ouviram o cachorro latir ali durante dois dias, mas ninguém se arriscou a salvá-lo. Isso porque as condições do local seriam impossíveis para que qualquer ser humano pulasse ali dentro para retirar o cão sem colocar em risco a sua própria saúde e integridade física.

Foi aí que Raj, um especialista em inteligência artificial e robótica, acoplou uma espécie de garra inteligente a um drone de seis motores. O dispositivo foi equipado ainda com monitores de respiração e de batimentos cardíacos a fim de avaliar a integridade do bicho enquanto ele era retirado de dentro do córrego.

Esse detalhe pode até parecer desnecessário a uma primeira vista, mas a ideia de Raj era saber se a pressão aplicada pela garra não era muito grande: se o cachorrinho estivesse com a respiração ofegante, provavelmente os dedos mecânicos que o abraçavam deveriam ser afrouxados.

O drone ainda foi equipado com sensores de altura, que soltavam a garra de resgate assim que identificavam uma altitude segura para o bichinho. Após o resgate, o animal foi batizado com o curioso nome de Lifted (algo como Elevado, em tradução livre) e passa bem, mesmo após ter passado dois dias em condições bem ruins.