A Apple anunciou oficialmente hoje (26) que sua linha de roteadores e dispositivos de armazenamento WiFi AirPort está sendo descontinuada. Isso quer dizer que os AirPort Express, Extreme e Time Capsule não serão mais produzidos pela empresa. Contudo, a Maçã vai continuar dando suporte para esses aparelhos por mais algum tempo, até que eles sejam considerados oficialmente “obsoletos” pela marca.

Eles ainda estarão disponíveis na apple.com, lojas físicas da Apple de revendedores autorizados enquanto durarem os estoques

Mesmo com essa notícia, ainda será possível comprar aparelhos AirPort que estão nos estoques da Apple e de lojas parceiras. “Estamos descontinuando a linha de produtos Apple AirPort. Eles ainda estarão disponíveis na apple.com, lojas físicas da Apple de revendedores autorizados enquanto durarem os estoques”, disse a companhia em um comunicado oficial enviado ao 9to5Mac.

Não há números oficiais sobre as vendas desses aparelhos, mas podemos imaginar que a Apple resolveu matar a linha de roteadores e discos rígidos sem fio pela falta de interesse do público. Os preços também podem ter feito as vendas estagnarem.

airport

Um AirPort Express simples, que funciona como roteador sem fio e hub para tornar impressoras e aparelhos de som em equipamentos wireless, custa hoje no Brasil nada menos que R$ 829 no Brasil e US$ 99 nos EUA. O AirPort Extreme, que tem praticamente as mesmas funções, mas com maior rapidez e cobertura da rede sem fio, sair por assombrosos R$ 1.649 na loja oficial da Maçã por aqui, custando menos de R$ 1 mil no varejo nacional. Nos EUA, entretanto, ele sai por US$ 199.

Já os AirPort Time Capsule, que permitem fazer backup automático e sem fio, custam R$ 2,5 mil com 2 TB de espaço ou R$ 3,3 mil para o de 3 TB. Nos EUA, os preços são US$ 299 e US$ 399 respectivamente.

Cupons de desconto TecMundo: