A tão esperada hora de comprar um notebook para o seu filho chegou, certo? Mas junto com ela surgem milhões de preocupações sobre como controlar o que ele acessará por meio do novo gadget. Afinal, ele é só uma criança! 

Muitos pais buscaram o caminho mais confortável: correr até onde der e evitar a inserção precoce do filho no ambiente online. Mas chega uma hora que não dá mais, por pressão dele, por necessidade de estudos e para o seu crescimento pessoal. 

Mas fique calmo! Se você estiver presenteando sua criança com um computador com Windows 10, vamos lhe orientar a configurá-lo para ter controle sobre toda a rotina enquanto o garoto ou garota estiver em frente à tela, bloquear certos conteúdos e até mesmo receber relatórios de atividades. Respire tranquilo e siga os passos a seguir:

1. Crie uma conta para ele no Windows 10

O primeiro passo, e um dos mais importantes, é a criação da conta de usuário de maneira correta. Assim, o sistema entenderá qual é o tipo de pessoa e apresentará um ambiente adequado a ela. 

Ao iniciar o sistema no PC novo, entre com a sua conta da Microsoft. Não crie uma conta para ele desvinculada da sua.

Já logado, vá para Configurações > Contas > Família e outros usuários > Adicionar um membro da família. Logo que fizer isso, o sistema perguntará qual é o tipo de membro, escolha a opção de  adicionar uma criança. 

Se o seu filho tiver uma conta da microsoft (hotmail, Outlook, live etc) você poderá informá-la para que o convite seja enviado a esse endereço. Caso ele não a tenha, será necessário criar uma nova, nos próximos passos você conseguirá fazer isso tranquilarmente.

Feito isso, acesse o email da criança, por meio do site da microsoft e aceite o convite. Logo após, a conta fará parte do painel de usuários do novo computador e poderá ser acessada normalmente, sempre que o PC for ligado.

2. Configure a conta

Volte ao painel de configurações de conta (com o seu login), entre na aba Família e selecione todas as configurações de controle que deseja. Com as funcionalidades do Windows 10 é possível estabelecer limites para:

  • navegação na web;
  • aplicativos, jogos e mídia;
  • compras e atividades de gastos etc.

Além do mais é possível receber relatórios das atividades dele, assim fica mais fácil acompanhar de perto a presença dele no mundo vitual.

Marcar presença no crescimento das crianças com relação à internet é de extrema importância, pois a rede é imprevisível e um simples acesso pode abrir portas para caminhos desconhecidos.

O que achou desses recursos do Windows 10? Você também acha importante os pais terem o controle do que os filhos fazem na web? Queremos saber a sua opinião sobre isso.

Cupons de desconto TecMundo: