Se você acha que é exagero o fato de drones terem restrições de voo em diferentes lugares do mundo, um novo caso relatado pelo Ministro do Transporte Canadense deve fazer você mudar de ideia. Segundo o anúncio, um desses veículos colidiu com uma aeronave da companhia aérea Skyjet, enquanto ela se aproximava do Aeroporto Internacional Lesage, em Quebec.

A boa notícia é que o incidente não teve resultados perigosos. “Eu estou extremamente aliviado porque a aeronave sofreu apenas danos menores e foi capaz de pousar em segurança”, disse Marc Garneau. Mas, como notou ao jornal CBC, “poderia ter sido muito mais sério” caso a colisão tivesse ocorrido com a cabine ou um dos motores do avião.

Vale notar que a colisão se deu enquanto o drone voava a 3 milhas do aeroporto a uma altitude de 450 metros – 150 m além do limite legal.

Novamente, é preciso frisar que boa parte dos relatos feitos de colisões com drones ou não foram comprovadas ou foram descobertas como sendo incidentes com pássaros e outros itens. Mesmo assim, com o uso cada vez mais comum de desses aparelhos, não há como não pensar que casos como esses devem acontecer em frequência cada vez maior. Resta torcer que eles não levem a piores consequências.

Cupons de desconto TecMundo: