Ao que tudo indica, o Surface pode ser o próximo dispositivo da Microsoft a parar de ser produzido, assim como aconteceu com o Windows Phone e o Microsoft Band. Foi o que afirmou Steve Brazier, CEO da Canalys. Segundo ele, Satya Nadella, CEO da Microsoft, deve descontinuar o produto até 2019.

O desempenho do Surface é variável; há bons trimestres e trimestres ruins, mas, no geral, eles não estão ganhando dinheiro

A inclinação de Nadella a cancelar produtos que perdem dinheiro deixa os usuários sem saber qual dispositivo ou serviço pode ser o próximo a rodar. Algumas pessoas especulam até que o Bing ou o Xbox possam estar na mira do CEO. Fabricantes de PCs também compartilham da opinião que o Surface não chegue até o ano 2020.

Vende mais ou menos

Além de afirmar que Nadella se desfaz de produtos assim por ser um cara voltado muito mais para software e nuvem, Brazier afirmou: “O desempenho do Surface é variável; há bons trimestres e trimestres ruins, mas, no geral, eles não estão ganhando dinheiro. Não faz sentido que eles continuem com o negócio”.

Em uma declaração para o site MS Power User, a Microsoft negou as afirmações e declarou: “O Surface continua a impulsionar o crescimento da categoria e redefinir a forma como as pessoas criam, aprendem e trabalham. Vocês vão nos ver continuar inovando e criando dispositivos que oferecem aos usuários experiências novas e impactantes".

Cupons de desconto TecMundo: