Enquanto o preço dos SSD de entrada tem feito cada vez mais consumidores se renderem aos benefícios do armazenamento flash, a versão corporativa da tecnologia segue avançando a passos largos no mercado profissional. Um exemplo disso é que a Intel – uma das líderes do setor – acaba de lançar um produto dessa última categoria que, além de ter um formato completamente maluco, é capaz de armazenar até 1 petabyte de dados. Que chato, hein?

Se o SSD convencional tem um formato reduzido que lembra as antigas fitas cassete, os novos periféricos da Intel fogem completamente da regra. Ao que parece, a empresa descobriu que esse tipo de armazenamento é bem menos dependente de um formato padrão e criou um modelo na forma de “régua” para que o componente se adapte facilmente aos racks de servidores e data centers.

Bizarro, mas poderoso!

1 PB é o suficiente para guardar 300 mil filmes em HD

Embora esses produtos – que contam com tecnologia Optane e 3D NAND – sejam feitos sob medida para operações que exigem velocidade e segurança em relação ao conteúdo armazenado, é claro que o destaque deles é o espaço. Afinal, segundo a fabricante, 1 PB é o suficiente para guardar “300 mil filmes em alta definição ou mais ou menos 70 anos ininterruptos de entretenimento”.

De acordo com a Intel, se tudo der certo na produção, esses SSDs devem ser disponibilizados muito em breve para o público corporativo. Mesmo assim, ainda não há uma data específica para que isso aconteça ou informações a respeito de quanto o upgrade vai custar aos cofres da sua empresa. E aí, será que com um desses dá para esquecer de vez as preocupações na hora de fazer downloads?