(Fonte da imagem: Divulgação/AMD)

A AMD lançou nesta terça-feira (15 de maio) sua nova linha de APUs Trinity, alternativa para quem não deseja investir nos produtos Ivy Bridge, da Intel. Embora a companhia ainda não tenha anunciado quando os primeiros eletrônicos equipados com a novidade chegam às lojas, a promessa é que eles possuam um desempenho surpreendente.

Entre as empresas que apoiam o lançamento estão a Samsung, Acer, ASUS, Lenovo, Sony e Toshiba, o que deve esquentar a competição no mercado de computadores. O foco principal da nova linha são os notebooks ultrafinos (que não devem ser confundidos com os ultrabooks), desktops com dimensões compactas e PCs all-in-one.

O lançamento da linha Trinity conta com os produtos A10-4600M, A8-4500M e A6-4400M, focados em notebooks com dimensões maiores. Além disso, há a APUs A10-4655M e a A6-4455M, ambas desenvolvidas para uso em dispositivos portáteis com dimensões ultrafinas.

Nova arquitetura

A novidade marca a estreia da arquitetura Piledriver, construída em um processo de 32 nanômetros (em comparação, os dispositivos Ivy Bridge são feitos em 22 nanômetros). Segundo a AMD, uma unidade de processamento dual-core Trinity possui o dobro da performance por watt de uma APU dual-core Llano, geração anterior de seus produtos.

(Fonte da imagem: Reprodução/The Verge)

A empresa afirma que dispositivos portáteis equipados com a nova tecnologia vão poder ser usados por 12 horas seguidas sem qualquer necessidade de recarga. O lançamento também traz uma atualização do recurso de overclock automático Turbo Core, que aumenta a frequência de processamento quando aplicativos mais exigentes são utilizados.

AMD HD Media Accelerator

Os novos produtos equipados com APUs Trinity vão vir acompanhados pela suíte de aplicativos AMD HD Media Accelerator, que possui diversos recursos destinados a melhorar o consumo de conteúdos multimídia:

  • AMD Perfect Picture HD — realiza o processamento de vídeos, ajustando a qualidade das imagens de forma totalmente automática;
  • AMD Quickstream — acelera o processamento de carregamento de filmes online, aumentando de forma automática a prioridade que a GPU dá para conteúdos do tipo;
  • AMD Video Converter — além de possibilitar a codificação mais rápida de arquivos, essa tecnologia permite a realização de conferências de vídeo com múltiplas pessoas com qualidade de imagem full HD;
  • AMD Steady Video — recurso que estabiliza filmagens tremidas capaz de trabalhar com o Internet Explorer, Mozilla Firefox, Google Chrome e o Windows Media Player. O suporte para o software VLC Player deve ser adicionado em breve;
  • AMD Eyefinity — a nova versão da tecnologia permite a exibição de conteúdos em várias telas sem a necessidade de usar uma GPU auxiliar com configurações discretas.

Segundo a fabricante, a linha de produtos Trinity possui uma CPU 28% mais eficiente do que os produtos Llano e um desempenho gráfico 56% melhor. Até o momento, a AMD não divulgou o preço cobrado pela novidade, tampouco forneceu dados de benchmark que comparem os novos dispositivos aos processadores Ivy Bridge da Intel.

Fonte: The Verge

Cupons de desconto TecMundo: