(Fonte da imagem: Reprodução/The Verge)

Após atravessar um mar de ultrabooks e afins, é possível encontrar no estande da Intel na CES 2012 algo bastante singular: um smartphone funcionando com a plataforma Medfield — chip que concentra diversas funcionalidades simultâneas.

Apesar do visual bastante comum, eis o que realmente importa: há no interior um processador Intel Atom Z2460 de 1,6 GHz, um modem XXM 6260 e uma GPU integrada que, de acordo como site The Verge, deve ser a PowerVR SGX540, da Imagination Technologies.

Isso sem falar nos requisitos comuns em algo do gênero, é claro — coisas como rádio Wi-Fi, acelerômetro etc. Botando a coisa toda para funcionar, estava a versão Gingerbread do Android... Embora pareça pouco provável que essa será a escolha para quando o Medfield finalmente for lançado.

Mas há algumas promessas por parte da Intel. Segundo a empresa, o aparelho terá autonomia para 45 horas de áudio, oito horas de chamadas via 3G, cinco horas de navegação 3G e 14 dias em stand by. Os presentes ainda puderam conferir Modern Combat 2 e vídeos em HD sendo exibidos através da entrada micro-HDMI do gadget.

Por fim, no que tange especificamente o alardeado Medfield, restam algumas questões sobre o suporte oferecido pela Intel em aparelhos com o Android. De acordo com a empresa, praticamente todos os aplicativos do Android Market rodarão sem maiores problemas em celulares e tablets construídos com o Medfield — mesmo aqueles não otimizados para trabalhar com a arquitetura da Intel (Angry Birds, por exemplo).

De qualquer forma, a Intel se garante ao acrescentar que uma pequena porcentagem de apps pode mesmo não funcionar.

Cupons de desconto TecMundo: