Visando a expansão de seu controle sobre o Mar da China Meridional, o governo chinês decidiu adotar uma tática pouco convencional: literalmente construir novas ilhas na região. Para isso, as autoridades locais estão realocando toneladas de pedras e areia, que estão sendo empilhadas sobre recifes submersos.

A BBC teve a oportunidade de observar o processo de construção, que atualmente se aproveita de ao menos cinco recifes locais — um deles apresentando uma pista de concreto larga o suficiente para a manobra de caças de combate. A área, que tem ilhas sob o domínio das Filipinas, Taiwan e Malásia, é conhecida por supostamente possuir grandes quantidades de petróleo e de gás natural.

Em 2012, a China declarou a região parte do “núcleo dos interesses nacionais”, o que resultou em um aumento do controle que o governo local tenta exercer sobre ela. Além de ter movido um porta-aviões para a área em 2013, no começo de 2014 o país deslocou uma plataforma de óleo gigantesca para lá no início deste ano.

Cupons de desconto TecMundo: