Quem já desbravou os continentes mais remotos em busca de Pokémons — ou mesmo quem está fazendo isso do sofá de casa usando os incensos — já deve ter reparado que todos os monstrinhos apresentam uns anéis coloridos quando as pokébolas são lançadas.

Entretanto, ao contrário do que alguns treinadores de Pokémon GO pensam — fontes afirmam que o redator deste tutorial pensava —, isso não diz respeito à precisão na pontaria para a captura do pokémon desejado.

A grande verdade é que cada cor representa um nível de dificuldade que aquele pokémon apresenta para a caça. Ou seja: isso significa o quanto você vai sofrer até conseguir fazer com que o monstrinho esteja registrado na sua backpack!

Anéis verdes representam as capturas mais fáceis

Confira logo abaixo o que significa cada uma das cores existentes nos círculos e saiba exatamente o quanto vai haver de dificuldade na hora em que você começar a lançar suas pokébolas. Importante deixar claro que isso vale apenas para o momento após o acerto do Pokémon. A dificuldade em acertar os monstrinhos com a pokébola não é alterada por isso:

  • Verde: pouca dificuldade (deve ser capturado já no primeiro lançamento preciso)
  • Amarelo: dificuldade moderada (pode demandar mais pokébolas)
  • Vermelho: grande dificuldade (pode exigir o uso de frutas para a captura)

Além disso, vale notar que quanto menor o raio do anel do colorido, maior a sua chance de sucesso na captura. Logo, sempre segure o dedo na pokébola e lance quando o anel estiver com menor diâmetro, evitando jogar quando ele ficar grande, pois assim você diminui a probabilidade dele continuar arisco e fugir da pokébola.

Dificuldade moderada

Vale dizer que essas dificuldades são referentes às pokébolas originais. Com as pokébolas especiais (Great Ball, Ultra Ball e Master Ball, por exemplo), fica mais fácil capturar qualquer monstrinho presente no game. Você já conseguiu capturar algum com os anéis vermelhos?

Cupons de desconto TecMundo: