Parece injustiça ficarmos falando de Pokémon GO enquanto o game não chega ao Brasil. Porém, as notícias não podem parar. A mais recente delas, entretanto, não é nada boa para os jogadores: parece que a última atualização removeu algumas funcionalidades úteis e muito utilizadas pelos caçadores de Pokémons até agora.

Estamos falando da funcionalidade "Nearby", que identificava a distância que o jogador estava de um determinado Pokémon pela quantidade de pegadas que existe abaixo da imagem do monstrinho. Trata-se de uma função que ajudava a todos mostrando quais opções estavam disponíveis nas proximidades; agora os jogadores são forçados a buscar de forma aleatória os Pokémons.

Funcionalidade "Nearby" de Pokémon GO indicava os monstrinhos que estavam por perto

Comedor de bateria

Outra mudança implementada em Pokémon GO é a eliminação da função de economia de bateria. De acordo com o site Engadget, isso só afetou dispositivos equipados com iOS, o que acaba comprometendo a jogatina por drenar muito rapidamente a carga do aparelho.

Assim, a recomendação é sair de casa com 100% da carga, uma bateria extra, Power Bank e deixar o brilho no mínimo caso você queira capturar muitos Pokémons e derrotar outros treinadores nos ginásios.

Reset de contas

Outro questionamento de alguns jogadores é o fato de que a Niantic – desenvolvedora de Pokémon GO – estaria resetando algumas contas. Usuários do Twitter foram até a rede social reclamar que o avanço no game havia sido apagado, exigindo que o jogador recomeçasse totalmente a sua jornada Pokémon.

"Sou a única pessoa cujo Pokémon Go resetou completamente? Porque estou meio triste agora".

"Minha conta do Pokémon Go acabou de resetar. Se isso não é um motivo para ficar bêbada, não sei o que é"

Quebrando a perna de outros apps

A última atualização de Pokémon GO também fez "quebrar" os sites e serviços que eram utilizados para identificar os monstrinhos em um mapa. A funcionalidade ajudava os treinadores a se planejarem em suas caminhadas, indo ao encontro diretamente do Pokémon pretendido.

Um desses sites é o PokéVision, que agora exibe a mensagem de que os serviços de localização de Pokémons está indisponível. A Niantic e a Pokémon Company não se pronunciaram oficialmente sobre o ocorrido, mas é evidente que o "ataque" foi direcionado para essas plataformas.

Serviços e aplicativos como o PokéVision não estão mais funcionando depois da última atualização de Pokémon GO

Por conta dessas e de outras mudanças na estrutura de Pokémon GO, muitos jogadores estão reclamando com a Niantic e a Pokémon Company e exigindo explicações. Será que nós, brasileiros, também teremos tantos problemas quando o game chegar aqui?

Cupons de desconto TecMundo: