Sabe aqueles apps que só travam, não funcionam direito ou comem sua bateria sem a mínima dó? Pois é, a Google vai fazer um arrastão para diminuir drasticamente a ofertas desses tipos de software na Play Store. A quantidade é enorme, metade do conteúdo tem apenas uma estrela de recomendação dos usuários devido aà instabilidade e isso é muita coisa para uma loja virtual que registrou 82 bilhões de instalações.

Apps não serão retirados da loja, mas ficarão na mira da companhia

Segundo o CNet, a companhia de Mountain View falou sobre o assunto no evento para desenvolvedores Google I/O nesta sexta-feira (19) e os planos já começam com uma notificação aos 25% piores avaliados. O padrão de qualidade terá como referência os seguintes critérios:

  • Paralisar por mais de 5 segundos em uma ação
  • Travar
  • Atrasar (principalmente se 50% dos quadros caírem para 60 quadros por segundo)
  • Usar o rádio ou processador do dispositivo sem necessidade
  • Despertar o aparelho mais de 10 vezes por hora quando ele estiver ocioso

A ideia não é suspendê-los imediatamente, mas sim ajudar os programadores a resolver essas questões para melhorar seus produtos — ainda não ficou claro quanto tempo os responsáveis têm para realizar alterações e quais são as penalizações. A empresa também deve fornecer um painel com métricas para ajudar os desenvolvedores a encontrar as razões pelas quais os usuários estão desinstalando em massa e a definir quando é o melhor momento para subir uma atualização.

Cupons de desconto TecMundo: