A Gigabyte anunciou nesta semana a chegada de uma série de modelos de placas-mãe compatíveis com o novo chipset X99 da Intel. O lançamento foi realizado em um encontro de mídias que teve por objetivo ressaltar o compromisso da empresa, principalmente, com os jogadores.

O evento também marcou a atualização do roadmap para o final de 2014 e início de 2015. A Gigabyte apresentou uma série de placas-mãe desenvolvidas para todos os setores (com modelos Intel e AMD), incluindo máquinas de entrada e equipamentos mais poderosos, passando por produtos fabricados no Brasil e outros importados.

A empresa também aproveitou para comentar sobre a mudança no perfil do consumidor. Se antes a maioria das pessoas procuravam investir o seu dinheiro em equipamentos desenvolvidos por grandes montadoras, agora esse público busca lojas especializadas e online. Isso acontece porque nesses locais as pessoas podem escolher que tipo de componentes vão colocar dentro do computador.

Um dos fatores que fizeram o mercado de games para PC evoluir foi a plataforma de distribuição digital Steam, que colocou o desktop em uma posição capaz de competir com os consoles no mercado de jogos.

Outro fator que colabora para o crescimento dos PCs como máquinas de jogos são os eSports, que já atraem um enorme público no Brasil e no mundo. Eventos como o XMA (X5 Mega Arena) mostraram que esse tipo de competição tem um grande potencial e devem contribuir ainda mais para o aumento de máquinas gamer vendidas no Brasil e no mundo.

Componentes de qualidade

A Gigabyte trabalha com componentes de qualidade em seus equipamentos e procura sempre oferecer recursos que diferenciem suas placas-mãe da de outros fabricantes, e isso pode ser comprovado com os modelos da linha X99.

Entre os recursos está um sistema de distribuição de energia digital capaz de fornecer a tensão e a corrente necessárias para o sistema funcionar sempre de forma precisa. Para isso, também são empregadas nas placas as bobinas Cooper Bussmann, que trabalham com menor geração de calor e garantem o correto fornecimento de energia para a CPU.

Os capacitores de estado sólido foram desenvolvidos para aguentar mais tempo sob condições mais extremas, como overclocks e altas temperaturas. Além disso, a Gigabyte também criou um sistema de montagem em torno dos furos dos parafusos que protege o sistema tanto de acidentes quanto de interferências.

O soquete do processador, os slots PCI Express e os oito slots DIMM são revestidos com ouro com 30 microns de espessura. O objetivo é garantir um ótimo contato entre os periféricos e melhorar o desempenho do sistema como um todo.

Todas as placas-mãe da série X99 vêm com duas camadas de cobre na PCB. Isso permite que cargas maiores de energia possam ser transferidas pelas trilhas sem sobrecarregar ou superaquecer o sistema.

Conheça as placas-mãe X99 da Gigabyte

Esses são os modelos de placas compatíveis com o novo chipset X99:

  •          GA-X99-Gaming G1 WIFI;
  •          GA-X99-Gaming 7 WIFI;
  •          GA-X99-Gaming 5;
  •          GA-X99-SOC Force;
  •          GA-X99-UD7 WIFI;
  •          GA-X99-UD5 WIFI;
  •          GA-X99-UD4;
  •          GA-X99-UD3;

O que todos esses modelos trazem em comum é a compatibilidade com o chipset Intel X99, com os novos processadores Haswell-E e com memória DDR4.

Outra novidade desses produtos é o sistema de rede Killer Networking. Ele é baseado no chip Killer E2200 da Qualcomm Atheros, desenvolvido para garantir o alto desempenho da transferência de dados. O sistema também é compatível com o Intel cFos Internet Accelerator, criado para gerenciar o tráfego de rede diminuindo a latência e melhorando o desempenho dos jogos online.

A série Gaming da Gigabyte vem com uma série de recursos importantes para os jogadores. Um exemplo disso é o sistema de som Creative Sound Core 3D blindado a ouro, que proporciona um som mais limpo e potente durante os games por trazer os canais esquerdo e direito separados na placa, além de capacitores especificamente desenvolvidos para sistemas de áudio.

As motherboards também possuem um amplificador para headphones integrado. Além disso, os modelos carregam todos os itens já citados anteriormente, como chip de rede Killer e sistema de proteção.

A GA-X99-Gaming G1 WIFI tem suporte a quatro placas de vídeo em modo SLI/CrossFire com banda de transferência de até 320 Gb/s. Isso é possível com o novo design das linhas PCI Express, que garante velocidade total aos 4 slots.

Outro destaque dos modelos é a iluminação da placa por LEDs, tanto na PCB quanto no painel traseiro. Todas as luzes podem ser configuradas de modo independente, sejam ligadas, desligadas ou pulsantes.

Feita para overclocks

A X99-SOC Force é uma placa criada para overclocks. Além de trazer a maioria dos itens citados anteriormente, esse modelo vem com o OC Brace, um suporte criado para facilitar a conexão de periféricos em uma bancada/gabinete aberto.

O principal destaque fica para o painel de controle incluído diretamente na placa-mãe. A central tem botões e switches de gerenciamento para facilitar o tunning dos equipamentos e também vem com um mostrador digital que sempre informa o estado da placa através de códigos. O sistema travou? O número pode indicar se o problema é decorrente de superaquecimento no processador ou falha nas memórias, por exemplo.

Para maximizar os overclocks, a placa também permite que algumas funções sejam desativadas. Já o OC Ignition mantém o fornecimento de energia para certos componentes — como os coolers — mesmo quando o sistema estiver desligado. Isso pode servir para a realização de testes e até mesmo para demonstrações de case mods sem a necessidade de ligar a máquina inteira.

Para completar, a X99-SOC Force também permite que você realize overclocks em tempo real dentro do BIOS. Isso possibilita o ajuste rápido de frequências sem a necessidade de reiniciar a máquina a cada alteração efetuada.

As novas palcas devem chegar ao Brasil já nas próximas semanas. Clique aqui para acessar o microsite da Gigabyte e conhecer todas as novidades dos novos modelos.

Cupons de desconto TecMundo: