Uma pesquisa realizada pela Peel em quatro países determinou que a maior parte dos usuários de smartphones da atualidade considera o infravermelho uma ferramenta “muito importante” para ter em seus próximos aparelhos. Isso seria utilizado para controlar TVs, aparelhos de DVD, ar condicionado etc. Indo na contramão dessa pesquisa, a Samsung resolveu não colocar mais esse recurso em seus novos phablets.

O levantamento foi realizado entrevistando 2.140 pessoas na China, Índia, Coreia do Sul e EUA. Esses três primeiros países mostraram uma taxa de apego muito maior ao infravermelho do que nos EUA. Na China, por exemplo, 81% dos entrevistados considera o item “muito importante”, enquanto nos EUA o recurso foi o preferido de apenas 18%.

Mesmo assim, a média dos quatro países foi de 57% considerando essa ferramenta importante. No Geral, caso seus próximos aparelhos tivessem infravermelho, pagamentos mobile, sensor de digitais e monitor cardíaco, 58% usariam mais o primeiro.

Contudo, nos EUA, tanto homes (61,7%) quanto mulheres (60,9%) consideram a qualidade da câmera o item mais importante na hora de escolher um novo smartphone para comprar. Há ainda uma série de seções de grupos de idade e gênero para algumas dessas ferramentas. Confira na galeria.

É interessante notar ainda que, caso tivessem que escolher um entre esses quatro itens, 29% escolheria o infravermelho, mas 27% ficaria com o leitor de impressões digitas. Fora isso, curiosamente, o sensor de monitoramento cardíaco foi o item que menos levantou interesse na pesquisa geral mesmo tendo alcançado uma boa margem nos EUA.

Cupons de desconto TecMundo: