(Fonte da imagem: iStock)

Você costuma ficar com o smartphone na mão quando deita na cama para dormir? Pois saiba que este hábito pode estar acabando com a sua produtividade diária.

De acordo com um estudo realizado por diversas entidades, incluindo a Universidade da Florida, a Universidade do estado de Michigan e a Universidade de Washington, passar muito tempo no celular pouco antes de dormir prejudica muito o sono, afetando diretamente o estado físico no dia seguinte.

Segundo os pesquisadores, a “fadiga do smartphone” pode ser tão grave que ela prejudica toda a produtividade extra trazida pelos gadgets, principalmente se as pessoas ficam até tarde da noite respondendo mensagens do chefe, por exemplo. Isso faz com que elas não consigam “desligar” a mente do trabalho durante a noite, consequentemente, afetando o descanso.

Deixe o smartphone de lado para ser mais produtivo

No livro “Sleeping With Your Smartphone” (Dormindo com seu smartphone, em tradução livre), a professora Leslie Perlow, da Escola de Negócios Harvard, realizou um estudo com alguns executivos que tiveram a oportunidade de se desconectar por algum tempo. O resultado foi que todos que fizeram isso ficaram mais produtivos e excitados com o trabalho, além de ficarem mais satisfeitos com suas vidas pessoais e profissionais.

Os pesquisadores também disseram que utilizar qualquer eletrônico durante a noite pode prejudicar o sono, mas os smartphones são especialmente prejudiciais porque estão sempre por perto, e são nosso primeiro método de conexão com o mundo.

O único jeito de resolver esse problema, segundo os estudos, é deixar o aparelho de lado e aproveitar a noite, por mais difícil que isso seja.

Cupons de desconto TecMundo: