Diferentes rostos masculinos (Fonte da imagem: Live Science)

Ian Stephen, um psicólogo da Universidade de Nottingham, na Malásia, fez um estudo bastante controverso no que diz respeito ao gosto feminino. Segundo sua constatação, as mulheres percebem como mais atraente uma pele bronzeada e de uma cor saudável do que um rosto bem desenhado, com linhas proeminentes.

Segundo o site Live Science, pesquisas anteriores afirmavam que mulheres heterossexuais eram atraídas por rostos mais longos, sobrancelhas grossas e linha da mandíbula bem marcada (especialmente durante a ovulação). Entretanto, Stephen percebeu algo diferente durante seu estudo.

Foram tiradas fotos dos rostos de 34 homens brancos e 41 homens negros, usando um computador para medir a masculinidade do rosto e as cores da face. Usando um computador que faz cálculos matemáticos, o pesquisador comparou rostos e encontrou mulheres com amostras similares, nas mesmas populações.

A seguir, essas imagens foram mostradas para 32 mulheres brancas e 30 negras, que classificaram o grau de beleza de cada homem. O que se viu é que um rosto com linhas mais masculinas não era tão importante quanto a pele em ambos os grupos étnicos. Não foi vista uma associação entre masculinidade e grau de atração, mas sim na cor da pele.

Entretanto, enquanto a cor de pele foi importante dentro dos grupos étnicos, ela não importou tanto quando as imagens foram mostradas para o outro grupo. A conclusão que se chegou é que as mulheres não conseguem diferenciar a sutileza de tons de pele em homens de outra etnia.

A pesquisa foi publicada em janeiro, na Evolution e Human Behavior

Cupons de desconto TecMundo: