Não é chato quando você quer transferir arquivos pesados para o seu pendrive — como aquela coleção de filmes em Full HD — e precisa ficar esperando vários minutos até que a movimentação seja concluída? Pois saiba que essa demora é decorrente da velocidade de gravação de sua mídia removível. Quanto maior for essa variante, menos tempo você terá que esperar na hora de guardar documentos nessa memória.

Na média, um pendrive acessível (como aqueles genéricos que muita gente compra aos montes com vendedores de confiança discutível) consegue gravar dados a mais ou menos 5 MB/s (megabytes por segundo). A velocidade de leitura — outra estatística importante para mensurar a agilidade de uma mídia USB —, por outro lado, costuma ser levemente mais alta, na faixa dos 20 MB/s.

Mas você não precisa comprar um pendrive premium e caríssimo para desfrutar de velocidades maiores. Há um truque simples que pode ser aplicado em praticamente qualquer dispositivo para torná-lo mais ágil em computadores equipados com Windows. Na verdade, tudo o que faremos neste tutorial é formatar sua mídia removível com o sistema de arquivos NTFS, descartando o FAT32, que geralmente vem configurado de fábrica.

Aprenda a deixar seu pendrive mais ágil

NTFS? FAT32? O que é isso?

Basicamente, toda mídia digital — incluindo HDs e cartões de memória — trabalha com base em um sistema de arquivos, que nada mais é do que uma estruturação de como tal dispositivo deve armazenar os dados dentro de si. Geralmente, pendrives mais baratos saem de fábrica configurados com o sistema FAT32, que é um dos mais antigos que existem e compatível com praticamente qualquer SO (incluindo Linux e Mac OS).

Embora o FAT32 seja mais popular justamente por conta de sua versatilidade, o NTFS — que é mais recente — é bem mais ágil e confiável. Você pode formatar qualquer pendrive com tal padrão, mas tenha em mente que a unidade pode não funcionar para usos mais exóticos (como em TVs inteligentes e consoles de video game), visto que tal sistema foi desenvolvido especialmente para computadores equipados com Windows.

O sistema de arquivos escolhido pode influenciar na velocidade de uma mídia

Como fazer

Primeiramente, conecte o pendrive em questão na sua máquina. Caso você esteja guardando arquivos importantes nele, faça uma cópia de segurança (backup), visto que todos os documentos serão apagados no processo. Em seguida, abra o Explorador de Arquivos, vá em Meu Computador, clique com o botão direito do mouse sobre o ícone da unidade removível e selecione a opção “Formatar” no menu de contexto.

Escolha a opção correta na hora de formatar

Na janela que se abre, localize o campo “Sistema de arquivos” e escolha a opção NTFS. Clique em “Formatar”. Aguarde alguns minutos — o processo de formatação pode demorar um pouco dependendo da capacidade de armazenamento do pendrive. Quando o procedimento for concluído, você já pode testar a diferença transferindo arquivos para a unidade USB e comparando a velocidade de gravação.

Cupons de desconto TecMundo: