Um tribunal em Washington, nos Estados Unidos, decidiu hoje que a Apple poderá renovar seus argumentos na Comissão de Comércio Internacional (ITC) de que a Motorola Mobility, que pertence ao Google, violou duas patentes associadas ao iPhone.

A corte concluiu que errou quando invalidou uma das patentes da Apple e decidiu que a Motorola Mobility não violou a outra. A análise dessas questões será feita pela comissão de comércio, sob distintos padrões legais que não foram levados em consideração anteriormente. Os porta-vozes da Apple e do Google não se pronunciaram em relação ao caso.

A primeira queixa da Apple contra o Google ocorreu em outubro de 2010, quando a Maçã incluiu patentes relacionadas com a tecnologia de toque de tela. Vale lembrar que é comum as empresas fazerem reclamações no ITC, já que os processos são muito mais ágeis nele do que nos comuns tribunais federais – além de ele poder excluir os produtos do mercado americano. 

Cupons de desconto TecMundo: