(Fonte da imagem: Reprodução/Patent Bolt)

A ideia de prender criminosos com hastes de ferro em torno dos punhos é bastante antiga. Além disso, as algemas no formato que a polícia utiliza atualmente tem como origem a década de 30, ou seja, há muitos anos esse dispositivo não sofre uma mudança drástica de tecnologia.

Mas isso pode mudar em breve, pois a empresa Scottsdale Inventions LLC teve uma patente publicada pelo US Patente & Trademark Office, órgão responsável pela propriedade intelectual dos EUA, que revela o protótipo de uma algema capaz de dar choques.

Conforme explicitado pelo site Patent Bolt, o dispositivo conta com eletrodos nas partes internas das peças que ficam em contato com a pele da pessoa detida — os quais são responsáveis por transferir as correntes elétricas ativadas por sistemas externos.

Atenção: você levará um choque!

As algemas possuem uma indicação luminosa e sonora de que o mecanismo de choque está prestes a ser acionado, funcionando como uma forma de acalmar aquele que estiver algemado.

Os choques podem ser acionados por diversos motivos, como movimentação demasiada, extrapolação da distância máxima permitida de um determinado ponto (uma cela, por exemplo) ou ativação via controle remoto. Dessa forma, as algemas podem até servir para evitar fugas.

Cupons de desconto TecMundo: