(Fonte da imagem: Divulgação/Samsung)

Depois de meses de brigas e trocas de acusações, a disputa judicial envolvendo as patentes de Apple e Samsung finalmente chegou ao fim após a decisão da Corte norte-americana dar razão à fabricante do iPhone. No entanto, o que a gigante sul-coreana achou de tudo isso?

Um comunicado interno emitido pela companhia para atualizar seus funcionários do ocorrido explica qual será o posicionamento da marca a partir de agora. Como era de se esperar, o texto logo vazou e começou a circular por toda a internet, mostrando que a dona dos Galaxies realmente está chateada com tudo isso.

O texto afirma que houve uma tentativa de negociação com a Apple, principalmente pelo fato de ela ser um de seus maiores clientes — em termos de componentes, como memória DRAM e de armazenamento Flash. O curioso desse trecho é que ele é tratado no passado, o que deixa claro que a relação existente entre as duas marcas está definitivamente encerrada. Se isso realmente acontecer, podemos esperar uma mudança significativa na próxima geração de iPhones.

(Fonte da imagem: Reprodução/BRgag)


Além disso, a Samsung compara a decisão da Corte norte-americana com a de outros países, como Reino Unido, Holanda, Alemanha e a própria Coreia, que não concordaram com as acusações de quebra de patentes na parte visual dos aparelhos da companhia.

A mensagem para seus funcionários termina de maneira um tanto quanto apaixonada e poética. Segundo o texto, “a história já mostrou que as empresas que conquistam os corações e as mentes dos consumidores” sofrem com a concorrência que não prioriza a inovação, mas o abuso da lei. No entanto, mesmo assim, ela diz ter certeza de que tanto os consumidores quanto o mercado apoiarão quem valoriza o novo — e não brigas judiciais.

Fonte: The Verge, Gizmodo

Cupons de desconto TecMundo: