O conceito de unir uma máquina fotográfica com um smartphone não é novo, e a própria Samsung já tentou popularizar o conceito há algum tempo com o Galaxy S4 Zoom. A Panasonic já havia revelado durante a CES deste ano que colocaria no mercado o Lumix DMC-CM1, um celular com uma poderosa câmera integrada de 20 MP.

Finalmente, o aparelho chegou aos EUA – pelo salgado preço de US$ 1.000 (cerca de R$ 3,2 mil, sem impostos). De fato, o dispositivo possui um excelente sensor de fotografia, algo muito acima da média dos smartphones top de linha. Entretanto, nem tudo são maravilhas.

Câmera extremamente potente, mas desengonçado

Como era esperado, o DMC-CM1 é muito maior que um celular convencional, sendo um pouco desengonçado e difícil de ser utilizado e guardado no bolso. O hardware do dispositivo é bem potente, seguindo o padrão de 2 GB de RAM e um processador Qualcomm Snapdragon 801 quadcore de 2,3 GHz.

O aparelho conta com um display de 4,7 polegadas e resolução Full HD, com uma densidade de 469 PPI, ideal para ver todas as fotos de alta qualidade capturadas por ele. E por falar em fotografias, o smartphone da Panasonic consegue capturar e filmar arquivos em 4K, que podem ser armazenados nos 16 GB de espaço interno ou em um cartão microSD.

O DMC-CM1 já está disponível e vem de fábrica com o Android 4.4 KitKat, que é atualizável para o Lollipop. Por mais que possamos prezar por ótimas imagens da câmera do celular, será que mil dólares é um preço honesto? Você teria coragem de pagar o valor sugerido pela Panasonic?

Cupons de desconto TecMundo: