A MasterCard anunciou o programa Girls4Tech, que acontece pela primeira vez no Brasil. Idealizado pela empresa há dois anos, ele conta com conteúdos voltados para os setores de ciência, tecnologia, engenharia e matemática, e é oferecido em escolas públicas para meninas de 9 a 11 anos de idade. O intuito é despertar o interesse dessas garotas para algumas das áreas que possuem pouca representatividade feminina no mercado atual.

O número estimado de alunas que participarão da ação é de 45. Elas passarão por três etapas, com exercícios de criptografia, algoritmos e convergência digital. As tarefas foram elaboradas com elementos lúdicos, mas que imitam o dia a dia de um profissional. No final do programa, haverá uma rápida seção de codificação, que consistirá na simulação de uma ação real de programação. Dentre os mentores que participarão da Girls4Tech está Camila Achutti — fundadora da MasterTech e idealizadora do blog Mulheres na Computação.

Segundo a empresa, essas áreas conhecidas como STEM (ciência, tecnologia, engenharia e matemática) são essenciais atualmente, porém a situação mundial aparenta precisar de um investimento maior em educação infantojuvenil nesse quesito. De acordo com o Programa Internacional de Avaliação de Alunos (PISA), que analisa a educação em 65 países pelo mundo, no ano de 2015, mais da metade dos estudantes de 15 anos eram analfabetos funcionais — sabem ler, mas não sabem interpretar a informação. No Brasil, 67,1% dos pesquisados estão abaixo do segundo nível de matemática, em uma escala que vai até seis. Em relação às meninas, o fator cultural intensifica ainda mais essa dificuldade no aprendizado.

Mais informações sobre o Girls4Tech

  • Data: 4 de novembro
  • Local: Cubo Coworking
  • Endereço: Casa do Ator, 919, Vila Olímpia – São Paulo

Cupons de desconto TecMundo: