Depois de quebrar muitos recordes 3D, enquanto reinavam absolutas as GTX Titan X, o TecLab, laboratório especializado e overclocking e análise de hardware, estará de volta hoje, com mais uma de suas polêmicas Lives.

Para os que não estão familiarizados com o seu trabalho, a equipe, liderada por Ronaldo “rbuass” Buassali, Campeão Mundial de overclocking Free Style em 2013 e Jacson Schenckel, reconhecidos pela sua expertise no assunto, são os pioneiros em várias ações, dentre elas os comparativos e análises ao vivo, overclocking extremo em games, desmistificar resultados e até certificações de componentes, vão falar hoje de muitos assuntos.

Como eles melhoram o desempenho de um computador, analisam componentes e também os próximos planos do TecLab.

Sobre o Overclocking Extremo, agora que as novas GTX 980Ti são “a bola da vez”, a equipe diz que está preparada para iniciar os testes na próxima semana.

“Apesar das Titan X serem mais poderosas, pois possuem maior quantidade de CUDA Cores e memória, elas podem vir preparadas de fábrica para superar os problemas causados pela utilização extrema. O sistema de alimentação não necessita ser trocado, as memórias aceitam diferentes timings e a indústria pode investir pesado em modelos especiais (a Titan X não podia ser modificada por determinação da Nvidia). Por isso podemos vê-las destruindo nos resultados. Estamos na fase final de aperfeiçoamento do Firmware e da BIOS, e vamos voltar com tudo nos próximos dias para tentar novamente, com este modelo, bater os recordes mundiais 3D que conseguimos com a Titan X.”

O TecLab quebrou nada menos do que sete Recordes Mundiais 3D em pouco mais de uma semana, dominando absoluto na categoria Single e SLI (duas placas) com este modelo, nos benchmarks 3D mais importantes da era moderna, a saber, 3DMark Fire Strike Extreme e Ultra, e ainda mantém os recordes do Unigine Heaven Extreme e Catzilla (720 e 1440P), retomados nesta semana.

Cupons de desconto TecMundo: