Imagine uma competição onde o objetivo seja alcançar os mais altos (e rápidos) índices de performance, tanto em 2D (processamento), quanto em 3D (gráficos). Neste fim de semana, dias 17 e 18, acontecerá mais uma vez a maior e mais importante competição de overclocking do mundo, o Master Overclocking Arena 2014.

Para os menos familiarizados com o assunto, overclocking é a “arte” de se trabalhar com o computador acima das especificações normais, e acredite, neste caso “extremo” é necessário utilizar de nitrogênio líquido, tamanha a agressividade que é imposta aos componentes.

Na edição de 2013, o Brasil representou muito bem nesta modalidade, com o título do “Free Style” trazido por Ronaldo “rbuass” Buassali, overclocker do Team Corsair. Neste ano, a competição segue os mesmos moldes com a batalha Clássica (Classic), onde os participantes buscam os melhores resultados da competição, e a Free Style, agora denominada “No Limits”, onde a busca é a quebra do Recorde Mundial de cada um dos testes da competição.

Sem o Brasil desta vez

Desta vez não traremos o título, pois nosso representante, que se classificou em primeiro lugar das Américas, não poderá participar por problemas de saúde, fato que foi informado na data de ontem (17) para a organização do evento.

Ele participaria de ambas as competições, mas com seu foco principal na “No Limits”, pela importância que dá aos benchmarks 3D, segundo ele, muito mais técnicos e importantes para as novas gerações.

“Não vejo mais sentido em participar com testes muito antigos, a maioria realizada ainda no velho Windows XP. Apesar de gostar de testes como o tradicional SuperPi, os benchmarks 3D requerem muito mais conhecimento e são muito mais interessantes ao público, tanto pela forma como são executados, quanto visualmente. Não é só os gamers que gostam de ver os frames por segundo nas alturas”, destacou Ronaldo.

Mesmo assim, o espectador poderá ver ao vivo a loucura que é uma competição como essa. Confira a agenda da competição:

  • 17/10 - Batalha Clássica - Classic - 22h20 até 4h30
  • 18/10 - Free Style - No Limits - 22h30 até as 5h

Benchmarks e prêmios

Para a batalha clássica serão considerados os benchmarks (testes de avaliação) SuperPi 32M e Cinebench R15 (2D) e 3DMark Fire Strike (3D) e para a No Limits, 15 diferentes testes à escolha dos participantes, divididos em três categorias (Legacy, 2D e 3D).

Legacy

  • SuperPi 32M
  • Pifast
  • 3DMark03
  • 3DMark05
  • Aquamark 3

2D

  • HWBOT Prime
  • XTU
  • Cinebench R11.5
  • Cinebench R15
  • Wprime1024M

3D

  • 3DMark-Fire Strike
  • 3DMark11-Performance
  • Heaven DX11
  • 3DMark Vantage
  • Catzilla 720P

Os prêmios para os vencedores, além da grande quantidade de hardware que é fornecida pela organizadora (MSI), é de US$ 7,5 mil dólares a ser divididos entre os ganhadores de cada uma das batalhas, o que com certeza representa muito pouco se comparado ao prazer de se participar de uma competição como essa.

Cupons de desconto TecMundo: