De acordo com um estudo publicado no site da Microsoft Research, existe um meio de melhorar as lentes do visor de realidade virtual Oculus Rift para que ele tenha maior nitidez e menos aberração cromática (é quando as diferentes cores formam imagens em locais distintos, resultando em borrões coloridos visíveis principalmente nos limites dos objetos).

Aparentemente, se trata de um produto desenvolvido automaticamente por um sistema de design de lentes da companhia sediada em Redmond.

Pelas fotos apresentadas, realmente é possível perceber uma grande melhora nas imagens. O problema é que não é nada fácil (e nada barato) fazer a troca das lentes do Development Kit 2 do Oculus Rift.

Só sendo muito entusiasta

Primeiro, é necessário comprar dois conjuntos de lentes específicos do site Edmund Optics (esse e esse, segundo o material da Microsoft), o que dá um total de US$ 449 (R$ 1.411). Depois, é preciso imprimir os suportes das lentes usando uma impressora 3D (a companhia diz ter usado o Objet Eden 260).

Por fim, tudo isso só funciona no motor gráfico Unity, sendo que, para as outras tecnologias, pode ser necessário fazer os mesmos tipos de modificações para corrigir a distorção de lente.Como se vê, é bem complicado aplicar as mudanças, mas o resultado parece excelente.

Então, fica a esperança de que a Oculus VR aprenda alguma coisa com isso e use lentes melhores na versão final do Rift (sem afetar muito o preço, por favor), que está prevista para ser lançada no primeiro trimestre de 2016.

Cupons de desconto TecMundo: