Que zica! Oculus agora perde quase metade das estações de teste nos EUA

1 min de leitura
Imagem de: Que zica! Oculus agora perde quase metade das estações de teste nos EUA
Fonte: VR Scout
Avatar do autor

A vida não está fácil para a Oculus, empresa que praticamente reviveu a realidade virtual (VR) ao apresentar o Oculus Rift. Anos depois da ideia que balançou a indústria e encheu o mercado de expectativa, a companhia que atualmente pertence ao Facebook só tem recebido más notícias.

A mais recente é que 200 das 500 estações de demonstração do Oculus Rift que as lojas Best Buy mantinham nos Estados Unidos serão desativadas. O motivo? Simplesmente ninguém está parando nos locais para testar a tecnologia — menos ainda fazer uma compra. O site Business Insider conversou com alguns funcionários e descobriu que alguns óculos até foram comercializados no período das festas de final de ano, mas foi só 2017 chegar que o tráfego na seção voltou a despencar.

Segundo a página, a decisão partiu do próprio Facebook, que não enxerga a atitude como algo tão apocalíptico. A companhia diz que essa é uma "mudança sazonal" e que ela vai "priorizar demonstrações em centenas de Best Buy em mercados maiores". Só que aí os questionamentos já começaram: se as pessoas quase não poderão testar esse produto que é tão diferente e exige ao menos uma conferida antes da aquisição, como vão se interessar em comprá-lo?

Quando a fase é ruim...

Em 2014, quando estourou e foi adquirida pelo Facebook, a Oculus nem devia imaginar os problemas que enfrentaria três anos depois. Atualmente, ela encara — já tendo perdido em primeira instância — um processo por roubo de ideias e agora precisa se preocupar com baixas vendas, superadas de longe pelo Gear VR, da Samsung.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Que zica! Oculus agora perde quase metade das estações de teste nos EUA