Não é de hoje que a NVIDIA e a AMD vem trocando farpas a respeito do uso de tecnologias e programas de parceria como o GameWorks e a PhysX, com executivos das empresas atacando e defendendo esses recursos. O debate sobre essa questão cresceu tanto que alguns usuários do Reddit até acusaram as produtoras de Project CARS e de The Witcher 3: Wild Hunt de propositalmente sabotar o desempenho dos games nas placas da AMD.

Vendo todo o rebuliço a respeito do assunto, o diretor sênior por trás do GameWorks, Ver Lebaredian, resolveu ir até o Reddit para explicar quais motivos fazem com que discorde dessas acusações. “As suposições que vi aqui são tão imprecisas que sinto que valem uma resposta direta de nós”, comentou o executivo no tópico criado pelos usuários revoltados.

“Eu posso declarar definitivamente que a PhysX dentro do Project CARS não descarrega computação alguma para a GPU em nenhuma plataforma, incluindo a da NVIDIA. Não tenho certeza de como o [criador do post original] chegou à conclusão de que isso acontece, mas isso nunca foi afirmado pelo desenvolvedor ou por nós; nem há qualquer prova técnica oferecida neste tópico de que esse é o caso”, pontuou Lebaredian.

Respondendo abertamente

Respondendo ainda aos jogadores que pediram que a PhysX seja transformada em código aberto, o executivo disse que a tecnologia já é open source e mostrou que ela já pode ser encontrada no GitHub (clique aqui). Vale ressaltar, no entanto, que você deve se registrar no programa de desenvolvedores do NVIDIA GameWorks para conseguir obter esse código.

Enquanto a polêmica se desenrola, a AMD anunciou que já está trabalhando no Beta do driver Catalyst 15.5, o que significa que os problemas com The Witcher 3: Wild Hunt e Project CARS devem acabar logo. E você, ainda acha que a NVIDIA está jogando sujo e sabotando a concorrência? Acha que a rival está fazendo acusações infundadas? Deixe sua opinião nos comentários.

Via Baixaki Jogos.

Cupons de desconto TecMundo: