A NVIDIA anunciou nesta sexta-feira (8) que teve um aumento de 25% em seus lucros durante o primeiro trimestre deste ano em relação ao ano passado. O principal responsável pelo bom resultado foi o setor de games da companhia, que se beneficiou do crescimento de áreas como a realidade virtual e as telas com resolução 4K.

A divisão registrou vendas de US$ 587 milhões durante o período, quase metade do US$ 1,15 bilhão que a empresa registrou no geral.  No geral, a empresa registrou um crescimento de 4% em suas atividades — o lucro líquido GAAP foi de US$ 134 milhões e o lucro líquido não GAAP foi de 187 milhões.

A empresa investiu bastante em seu setor de games durante o período, aproveitando eventos como a Gamer Developer Conference para lançar a GeForce GTX Titan X. Além disso, a companhia investiu no console NVIDIA Shield  e seu sistema reformulado de streaming de jogos através da Nuvem.

“Acreditamos que, a longo prazo, video games, assim como vídeos e filmes, vão ser democratizados”, afirmou o CEO Jen-Hsun Huang em uma conferência com investidores. “Tudo vai ser virtualizado e colocado na nuvem como o Netflix para que possamos aproveitar isso ao redor do mundo... temos que colocar as fundações necessárias para trazer isso ao mundo”.

Mercado de PCs deve desacelerar antes do Windows 10

Apesar dos resultados positivos, a NVIDIA afirma que o mercado de computadores em geral está passando por um período de desaceleração. Entre os principais motivos para isso está o fato de que muitos consumidores estão adiando suas compras em antecipação à chegada do Windows 10.

“Vemos uma margem muito pequena de mercado no segundo trimestre”, afirmou a chefe financeira da companhia, Colette Kress. Com isso, a companhia abaixou sua previsão vendas no período de US$ 1,18 bilhão para uS$ 1 bilhão.

Para tentar compensar a queda do segmento, a companhia está diversificando suas atividades para o mercado de automóveis e para outros mercados que exigem grande capacidade de processamento. Além disso, a companhia vê nos games uma saída para se manter relevante e lucrativa nos próximos anos.

Cupons de desconto TecMundo: