(Fonte da imagem: Divulgação/NVIDIA)

A NVIDIA revelou na manhã de hoje (25), durante a GTC 2014, o lançamento do primeiro supercomputador mobile para sistemas integrados do mundo. A novidade atende pelo nome de Jetson K1e é voltada para processamento de imagem e dados em tempo real.

A proposta do Jetson K1 é fornecer ferramentas para criar sistemas e aplicativos robóticos, permitindo que eles detectem com maior perfeição objetos em movimento, auxiliem drones ou até mesmo atuem em exames médicos como, por exemplo, nos ultrassons.

Alta capacidade de processamento

Com um desempenho de 326 gigaflops (três vezes mais do que qualquer plataforma integrada similar) o Jetson TK1 inclui um kit de ferramentas C/C++ completo baseado na arquitetura NVIDIA CUDA, o modelo de programação e computação paralela mais disseminado do mundo. Isso torna muito mais fácil de programar do que os processadores FPGA, ASIC personalizado e DSP que são comumente utilizados nos sistemas integrados atuais.

“O Jetson TK1 acelera o caminho da computação integrada para um futuro onde as máquinas interagem e se adaptam aos ambientes em tempo real”, afirma Ian Buck, vice-presidente de computação acelerada da NVIDIA. “Essa plataforma permite que os desenvolvedores aproveitem todo o potencial da computação visual em dispositivos portáteis, levando as capacidades dos supercomputadores a dispositivos de baixo consumo de energia”, completa.

Tegra K1 no coração do supercomputador móvel 

No centro do Kit de desenvolvimento  Jetson TK1 está o processador móvel Tegra K1, o superchip de 192 núcleos da  NVIDIA baseado na arquitetura Kepler, a mesma que equipa o mais rápido supercomputador dos EUA, o Titan do Oak Ridge National Laboratory. Vários desenvolvedores e criadores de sistemas nos setores de indústria, robótica e medicina expressaram seu apoio à plataforma de desenvolvimento.

“O Tegra K1 pode mudar o mercado de integração industrial”, afirma Simon Collins, gerente de produto na GE Intelligent Platforms. “Esperamos oferecer soluções que antes consumiam 100 watts ou mais para a área de menos de 10 watts”. 

O Jetson TK1 é a primeira plataforma de desenvolvedor para  Tegra K1, apresentada em janeiro durante a CES 2014. Inclui 2 GB de memória e conectores de entrada/saída para USB 3.0, HDMI 1.4, Gigabit Ethernet, áudio, SATA, miniPCIe e um slot para cartão SD.

O kit de desenvolvimento NVIDIA Jetson TK1 está disponível como pré-venda a partir desta terça-feira (25/03) por US$ 192 nos EUA, no site da NVIDIA. E em breve através de outros parceiros.

O Tecmundo viajou a San Jose para o GTC 2014 a convite da NVIDIA.

Cupons de desconto TecMundo: