Notebooks e dispositivos móveis são extremamente úteis por serem fáceis de serem levados para tudo quanto é lado. O único problema é que o tamanho diminuto significa também que os componentes de alta performance com proporções menores e trabalhando em espaços mais apertados geralmente aquecem bastante. Mas não tema: sempre existe alguém genial para salvar nossas vidas – e, na maioria das vezes, esse alguém é asiático.

O japonês Akinori Suzuki compartilhou no Twitter uma dica excelente por ser extremamente simples e mostrar o poder da termodinâmica: fazer pilhas de moedas de cobre sobre o notebook. O tweet na íntegra é este aqui:

Se você não entendeu nada, mas conseguiu ver a figurinha, trata-se do seguinte: Suzuki pegou algumas informações compartilhadas por um site japonês que mostrava o escaneamento termodinâmico de um Macbook Pro com retina display e viu que ele aquecia relativamente bastante em uma área bem específica:

Com base nisso, o rapaz começou a empilhar moedinhas de 10 yen, feitas de cobre, sobre a parte mais quente do aparelho. O brilhantismo é que, como o material tem uma condutividade térmica muito melhor do que o alumínio ou plástico, as moedas "absorvem" o calor gerado pelos componentes enquanto elas estiverem com uma temperatura menor que o próprio computador – por isso a grande quantidade.

A propósito, o tweet original diz algo mais ou menos assim: "Se alguém está tendo problemas com seu Macbook Pro esquentando demais, utilize algumas moedas de 10 yen que você tem por aí. O cobre nelas é um condutor melhor de calor do que o alumínio, então é bom para absorver a temperatura". Se você está aqui no Brasil, as moedas de 1 e de 5 centavos são revestidas com o material – o que significa que elas podem não ser tão eficientes assim, mas não custa tentar, certo?

A ideia de Akinori Suzuki rapidamente se espalhou pela internet, com muita gente mostrando suas próprias aplicações, mas vale apontar que essa ideia surgiu na rede e ainda não foi testada de forma científica. Isso significa que não há qualquer garantia de que vá funcionar para todo mundo. De qualquer forma, muita gente na web aprovou e está usando – e isso quer dizer alguma coisa.

Cupons de desconto TecMundo: