A Computex 2016 está rolando nesta semana e está recheada de novos anúncios. Um deles é a nova linha de notebooks conversíveis da Dell, também conhecidos como 2-em-1. A nova linha, que é chamada de Inspiron 7000, virá com Windows 10 de fábrica e vai contar com recursos tanto de computadores quanto de tablets.

Os públicos-alvo destes produtos são estudantes, famílias e empresários novatos que dependem de um equipamento bom e barato para realizar as suas tarefas do dia a dia. Os dispositivos terão a última linha de processadores da Intel – sexta geração – e terão o preço mínimo de US$ 249 (R$ 900 sem impostos, IOF e custos de importação).

Atendendo às suas necessidades

No total, serão três modelos, que variam o tamanho do display: um de 13, um de 15 e um último 17 polegadas. Todos os produtos têm em comum uma câmera de infravermelho para reconhecimento facial, teclados com backlight e tela touchscreen, tudo para que eles sejam semelhantes a tablets.

Além da linha Inspiron 7000 2-em-1, a Dell anunciou outros produtos, como é o caso do Inspiron 11 3000, um notebook com display de 11 polegadas também conversível – mas muito mais simples e barato – e os aparelhos da série 5000, que contarão com CPUs i7 de última geração, SSDs e 16 GB de memória RAM.

A resolução varia de dispositivo para dispositivo, assim como algumas configurações de hardwares ainda não reveladas. O menor deles, com apenas 11 polegadas, terá especificações técnicas mais modestas, justificando o preço de US$ 249 (R$ 900), sendo bem acessível.

Os modelos da linha 5000 começarão a ser vendidos a partir de US$ 529 (R$ 1900), enquanto os da linha 7000 serão comercializados a partir de US$ 749 (R$ 2,7 mil). Por enquanto, apenas a China e os Estados Unidos devem receber os novos notebooks da Dell a partir de junho.

Cupons de desconto TecMundo: