A Nikon é uma empresa muito conceituada quando o assunto são câmeras profissionais. As Digitais SLR da marca combinam tecnologias avançadas com a facilidade de uso para proporcionar capturas realmente impressionantes. Entretanto, algumas compactas também consegue tirar proveito das vantagens oferecidas pelos produtos voltados para o público profissional.

A COOLPIX P900, lançada oficialmente em março de 2015, é uma câmera superzoom equipada com um sensor CMOS de 16 megapixels capaz de aproximar uma imagem em até 83 vezes – o que é equivalente a uma lente de 2.000 mm. Com esse "monstrinho" cheio de recursos tecnológicos, como WiFi e NFC embutidos, qualquer um vai se sentir um verdadeiro espião. Vamos ver como ela se saiu em nossa análise?

Nikon COOLPIX P900.

Design

Com uma lente fixa, a COOLPIX P900 possui um visual muito bonito e atraente. A construção segue o tradicional formato das câmeras profissionais – característica que a diferencia bastante dos produtos da categoria compacta ou point and shoot. O design apresentado é anatômico e oferece uma pegada firme e confortável.

Nikon COOLPIX P900.

O display giratório de 3 polegadas (LCD-TFT) possui uma película antirreflexo e brilho ajustável em 6 níveis. Essa pequena tela é ideal para quem gosta de tirar fotos em posições e ângulos variados, dispensando a necessidade de manter a câmera em uma posição comum. Porém, ainda há um visor eletrônico tradicional que desabilita automaticamente o display quando tampamos o sensor de proximidade.

Nikon COOLPIX P900.

Por causa da gigantesca lente embutida, a COOLPIX P900 é relativamente pesada – com cartão micro SD e bateria ela pesa 899 gramas. Esse pequeno detalhe pode dificultar um pouco o transporte e movimentação com a câmera. A lente fixa também pode ser um desafio nesse sentido. 

A bateria recarregável de íons de Lítio EN-EL23 da COOLPIX P900 possui um formato proprietário. A câmera ainda suporta as seguintes mídias de armazenamento: cartão de memória SD, SDHC e SDXC. Uma porta micro USB e outra micro HDMI completam a conectividade do dispositivo.

Nikon COOLPIX P900.

Desempenho em fotos e vídeos

A COOLPIX P900 foi criada para se enquadrar na categoria de câmeras bridge, permanecendo entre uma potente DSLR e as populares compactas. Apesar de trazer recursos avançados, a qualidade das imagens não chega a ser a mesma dos aparelhos profissionais.

Clique aqui para conferir as fotos do álbum acima na qualidade original.

Clique aqui para conferir as fotos do álbum acima na qualidade original.

Clique aqui para conferir as fotos do álbum acima na qualidade original.

Clique aqui para conferir as fotos do álbum acima na qualidade original.

Clique aqui para conferir as fotos do álbum acima na qualidade original.

Clique aqui para conferir as fotos do álbum acima na qualidade original.

Durante os nossos testes, também percebemos um inconveniente que dificulta um pouco a captura de fotos e vídeos: a ausência de um controle manual de foco. Ele até pode ser ajustado através do menu, mas não é uma opção muito prática e é demorada em algumas situações.

Vídeo que demonstra a capacidade superzoom da Nikon COOLPIX P900.

Qualidade das imagens

Opinião da redatora e fotógrafa Daniele Starck:

"No quesito qualidade de imagem, a Nikon COOLPIX P900 não decepciona — mesmo não tendo um sensor do tamanho encontrado em câmeras profissionais. Seu ponto alto é a fidelidade de cores, sem distorcer ou apagar os tons reais das cenas fotografadas. Mesmo sob forte luz, a câmera se mostrou eficiente, com exposição correta e muita nitidez. Em cada foto, é possível ver as texturas dos objetos, fazendo com que as imagens fiquem ricas em detalhes.

A câmera da Nikon também traz uma opção macro acima da média e mostra excelente resultado com o zoom óptico no máximo — perdendo qualidade apenas com o zoom digital. No entanto, o desempenho da COOLPIX P900 com baixa iluminação não é dos melhores, mostrando muito ruído nas fotos, especialmente com o seu ISO máximo (6400, que não é um valor tão alto assim). E se precisar utilizar o flash, você pode acabar vendo a sombra da lente sobre os objetos mais próximos."

Tecnologias

Com WiFi e NFC integrados, é possível fazer a comunicação com smartphones e tablets para a transferência de arquivos. Além disso, também dá para controlar remotamente a câmera. Fotógrafos mais avançados podem tirar proveito dos vários modos disponíveis ao melhor estilo DSLR. Se preferir, dá para controlar a abertura e velocidade do obturador para obter os disparados exatamente como você quer.

Nikon COOLPIX P900.

Mas se o que você deseja é simplesmente relaxar e tirar algumas fotos, diversos modos automáticos também são oferecidos pela P900. Os seguintes Modos de Cena estão disponíveis:

  • Luz de Fundo;
  • Praia;
  • Cópia em Preto e Branco;
  • Close up;
  • Crepúsculo/Madrugada;
  • Panorama Fácil;
  • Show de Fogos de Artifício;
  • Alimentos;
  • Paisagem;
  • Museu;
  • Paisagem Noturna;
  • Retrato Noturno;
  • Festa/Interior;
  • Retrato Animal de Estimação;
  • Retrato;
  • Seletor Automático de Cena;
  • Neve;
  • Esportes;
  • Pôr-do-sol.

Nikon COOLPIX P900.

Para edição de imagens na própria câmera, a COOLPIXS P900 ainda oferece os seguintes recursos:

  • Cortar;
  • D-Lighting;
  • Efeitos de Filtro;
  • Retoque Rápido;
  • Suavização de Pele;
  • Imagem Reduzida.

O sistema ainda conta com flash embutido (controle automático TTL com monitor pré-flash) e GPS integrado. Esse último recurso permite que as fotos criem um registro de localização, funcionalidade ideal para os viajantes que querem acompanhar todos os lugares visitados.

Quando completamente cheia, a carga da bateria é capaz de aguentar a captura de aproximadamente 360 fotos. Quando o assunto é vídeo, a COOLPIX P900 é capaz de aguentar o registro de aproximadamente 1 hora e 20 minutos de forma ininterrupta.

Nikon COOLPIX P900.

Vale a pena?

Apesar de ser bem mais barata que alguns modelos profissionais da própria marca – que podem facilmente alcançar a cifra de R$ 5 mil –, o preço R$ 2.899 da COOLPIX P900 é algo que pesa no bolso da maioria dos consumidores e provavelmente é capaz de assustar a maioria que está a procura de uma nova câmera.

Mesmo assim, um conjunto de câmera e lente com as capacidades superzoom desse modelo da Nikon pode sair extremamente caro. Por conta disso, devemos dar créditos para a Nikon por ter conseguido colocar tudo isso em um produto que oferece um preço não tão assustador – pelo menos quando comparado às DSLR. Se você é uma amante de fotografia, gostou das capacidades da COOLPIX P900 e esta disposto a pagar quase R$ 3 mil em uma câmera, esse modelo é uma ótima opção para você.

Cupons de desconto TecMundo: