O NFC é uma das principais novas tecnologias disponíveis para dispositivos móveis. Porém, ele começou a chamar atenção mesmo depois do lançamento do Apple Pay, o sistema de pagamento da empresa da Maçã que pretende eliminar o cartão de crédito futuramente.

Se não fosse isso, talvez muitas pessoas não saberiam que uma antena em miniatura dentro dos seus dispositivos seria capaz de fazer coisas realmente inteligente com o uso de tags NFC. 

Mas calma. Você ainda não será capaz de fazer coisas extremamente incríveis com o uso da tecnologia. Porém, o seu uso já está permitindo fazer coisas como automatizar uma casa inteira, caso você seja um grande entusiasta tecnológico.

Além disso, é possível mudar pequenos aspectos da sua vida de forma muito simples, a baixo custo, fazendo você se sentir como se já estivesse experimentando uma versão de demonstração do futuro imaginado pelos Jatsons - que provavelmente aguarda nossos netos.

Mas o que é NFC?

Desenvolvida em uma parceria entre as gigantes Sony e Phillips, a chamada “Near Field Communication” (NFC, comunicação em área próxima) permite a comunicação – leia-se troca de dados – entre dois dispositivos eletrônicos compatíveis que estejam a poucos centímetros de distância ou encostados, de forma extremamente rápida e segura. No caso, primeiramente haveria a identificação de um dispositivo pelo outro e em um segundo momento ocorreria a transmissão dos dados, efetivamente. 

A NFC é uma tecnologia que surgiu a partir da RFID (Radio Frequency Identification). A RFID permite a comunicação de dois aparelhos à longa distância, por meio de radiofrequência: um deles traz uma fonte de energia e age ativamente, buscando informações no outro dispositivo, que não necessita de uma fonte de energia própria para funcionar.

A Near Field Communication, como o nome sugere, limita o campo de atuação de frequências para uma distância de até 10 centímetros. Assim, é necessário estar bastante próximo ao objeto para que haja a troca de dados. É importante observar que os dados são obtidos da fonte passiva pela fonte ativa. Assim, as informações contidas em qualquer aparelho que use a tecnologia não podem ser acessadas por outros dispositivos.

A tecnologia foi criada para transmitir dados de maneira mais segura. Enquanto a RFID é a melhor opção para o rastreamento de animais, por exemplo, a NFC pode ser aplicada para a realização operações bancárias. Isso por que a abrangência da frequência RFID poderia ser utilizada por pessoas com más intenções, para tentar obter dados sem autorização ou clonar aparelhos.

Promessas para smartphones

Se esta é uma tecnologia que pode trazer tantas facilidades para a vida das pessoas, ela deve estar em um dispositivo que esteja presente, 24 horas por dia na mão dos usuários. Por isso, a melhor aplicação encontrada até agora é a implementação da NFC em aparelhos celulares.

Em países como o Japão, já é possível conferir a tecnologia sendo utilizada no dia a dia: em Tóquio, o sistema de metrô permite que passagens sejam compradas com a aproximação do aparelho de telefone às catracas. Desta forma, objetos comuns do cotidiano transformam-se em “objetos inteligentes”, capazes de armazenar e transmitir informações.


Existem inúmeras formas de usar a NFC. Muitos acreditam que, em poucos anos, ela deve substituir os códigos de barras e até mesmo os cartões de crédito. Assim, o consumidor não precisa mais buscar por maquinas de leitura nas lojas: basta aproximar o celular para conferir o preço do produto. Ao final da compra, para efetuar o pagamento, basta ter a mesma ação em um aparelho instalado no caixa.

Então, aqui estão dez coisas legais que você pode fazer com um smartphone e uma ou mais tags NFC.

1. Fazer um hotspot para o seu notebook e tablet

Cole uma tag NFC em seu notebook ou tablet e programe seu smartphone para ligar o WiFi hostspot quando eles estiverem no mesmo lugar. Dessa forma, você poderá usar uma rede de conexão wireless privativa que é ativada rapidamente. Confira alguns apps do Android que podem ajudar você a fazer isso.

2. Ativar um “modo de descanso”

Colocar uma tag NFC na cabeceira da sua cama pode fazer maravilhas para que você tenha uma boa noite de sono. Posicione-a em um local conveniente e programe-a para desligar a conectividade e os sons, além de ativar o alarme do seu aparelho.

Você também pode fazer o processo reverso, permitindo que seu dispositivo reative todas as funcionalidades depois que você sair da cama.

Outra ideia bastante interessante seria fazer seu alarme desativar através de uma tag NFC. Dessa forma, você pode colocar a tag em algum lugar longe da cama, obrigando você a levantar da cama para desativá-la.

3. Tornar qualquer carro conectado

Você não precisa comprar um Tesla para ter um carro conectado. É possível fazer isso com seu carro atual, mesmo que ele seja velho. Para obter tais vantagens, basta apenas colar uma tag NFC no painel do seu automóvel e programá-la para ligar o Bluetooth, GPS e 3G, além de abrir o Google Maps, ou qualquer outro programa que você necessite, como o Weeze.

4. Iniciar o seu PC com um smartphone

Com o uso de uma tag, você também pode desbloquear o seu próprio computador através do NFC. E o melhor: usando um smartphone. Para isso, é preciso colocar a tag em algum lugar conveniente próximo ao PC e aproximar-se com seu aparelho para ativar a funcionalidade. 

O processo não é tão simples, pois você terá que usar três aplicativos diferentes e ainda seguir este tutorial, criado por um usuário do Reddit (em inglês).

5. Fornecer a senha do Wi-Fi

Uma dica muito legal de uso do NFC é liberar a senha do WiFi para seus amigos quando eles forem visitá-lo apenas com o uso de uma tag. Para fazer isso, você deverá cadastrar a senha na tag com o uso de um aplicativo chamado InstaWiFi.

Porém, se os seus convidados tiverem aparelhos que não contam com o recurso do NFC embutido, será preciso usar o bom e velho pedaço de papel com os números e letras que compõe o código.

6. Programar cronômetros automáticos

Precisa de um cronômetro para contar o tempo de uma determinada tarefa? Então coloque uma tag NFC perto dela e programe-a para começar a contagem regressiva. Não se esqueça de ficar de olho para não perder o prazo.

7. Arrumar uma desculpa

Se você quer uma desculpa para  fazer qualquer coisa, você pode usar uma tag NFC. Se você quiser fugir para fumar um cigarro, por exemplo, você pode colar uma tag em um isqueiro e programá-la com o uso do aplicativo do IFTT para que seu telefone receba uma ligação e você consiga arrumar um motivo para relaxar.

8. Ligar alto-falantes Bluetooth

Se um alto-falante Bluetooth é o seu principal meio de ouvir música em algum lugar, coloque uma etiqueta NFC e configure-a para ligar o Bluetooth, o Wi-Fi do seu telefone e um aplicativo de música, como o Spotify. Você vai economizar tempo.

9. Enviar cartões de visita

Nem mesmo os velhos e tradicionais cartões de visita escaparam das inovações da tecnologia. Graças ao NFC, é possível criar cartões de visita interativos com o uso das tags. Dessa forma, você poderá passar suas informações de contato com bastante rapidez e interatividade.

10. Trocar os bloquinhos de post-its

Com o uso de um programa do Android chamado Touchanote, você poderá programar tags para abrir notas específicas do Evernote. Coloque uma tag na sua mesa de trabalho, por exemplo, para permitir que as notas específicas do seu trabalho apareçam. Na sua casa, é possível abrir to-do lists com afazeres domésticos.

11. Ativar tudo em casa

Cole uma etiqueta NFC perto de sua porta de entrada e deixe que ela faça as coisas, como ativar o seu Wi-Fi, desligar o bluetooth e aumentar o volume da campainha do aparelho. Com o aplicativo certo (Trigger, por exemplo), você pode programar a tag para voltar as configurações originais quando o aparelho se aproximar da etiqueta uma segunda vez  (desativando o Wi-Fi e ligando o Bluetooth, por exemplo).

12. Fazer exercícios em paz

Se você quer ficar completamente focado e livre de perturbações enquanto estiver malhando, basta colocar uma tag na sua mochila de treino para que o seu aparelho comece a reproduzir sua lista de treino. Usando a opção "toggle", você pode reverter o processo simplesmente tocando na tag novamente quando o exercício estiver completo.

13. Economizar bateria no metrô

Andar de metrô significa principalmente que o seu smartphone encontrará muitas dificuldades em busca de um sinal de celular, o que acaba drenando a energia da bateria. Para evitar isso, você poderia manter uma tag dentro das próprias estações que você usa com mais frequência, fazendo com que o aparelho ative o modo avião. Ou você pode fazer isso colocando a tag dentro da sua mochila, ou ainda  dentro do seu bolso (opções bem menos estranhas).

14. Ligar as luzes de casa

Se você está sempre preocupado com o uso de energia da sua casa, então será possível usar tags NFC para ligar e desligar luzes em diversos ambientes através de um sistema de iluminação que utiliza On {X}, tags NFC, lâmpadas Philips Hue e Ninja Blocks. 

15. Travar e destravar portas

As tecnologias de casas inteligentes tornaram-se uma tendência enorme. Mas, até agora, muitas soluções ainda são bastante caras e precisam de uma instalação muito complexa para funcionar. A maçaneta inteligente 'Lockitron' é um dos sistemas de automação residencial mais acessíveis.

Além de ser capaz de bloquear e desbloquear sua porta com uma tag NFC, você também pode controlar o bloqueio com o seu smartphone (iOS e Android) a partir de qualquer lugar do mundo. Como isso é possível?

Lockitron está conectado à sua rede Wi-Fi. Ele também oferece mais recursos, como dar acesso de convidado para amigos ou receber notificações se um membro da família entra na casa. Você pode fazer a pré-encomenda da Lockitron em seu site por 99 dólares. 

16. Etiquetas na educação

Escolas e universidades podem usar tags NFC para fornecer aos alunos informações especiais "escondidas". Um grande exemplo de uso educacional do NFC é o Colégio Central Nottingham, no Reino Unido.

Em seu campus, muitos pontos de contato NFC são colocados perto de objetos diferentes de forma a  tornar mais fácil para os estudantes de língua estrangeira aprenderem Inglês.Uma vez que eles encostam os seus telefones em um dos pontos de contato, eles recebem um nome e uma descrição. 

17. NFC nos negócios

Bares, restaurantes, cabeleireiros e empresas similares pode usar tags NFC para promover seus negócios e aumentar a satisfação do cliente. É possível atrair clientes potenciais colocando cartazes promocionais no bairro com tags NFC contendo a localização do seu estabelicmento.

Uma vez que alguém aproxima seu smartphone do cartaz, o app do Google Maps poderá exibir a exata localização do seu negócio. Isso é apenas um dos muitos exemplos de como você pode usar NFC em marketing.

Cupons de desconto TecMundo: