(Fonte da imagem: Reprodução/Android Police)

Com o lançamento do tablet Nexus 7, muita gente se assustou com o preço baixo — apenas US$ 199 (R$ 398, sem impostos). Por este motivo, o site TechInsights fez uma análise para descobrir qual é o custo de produção do aparelho.

Primeiramente, o site constatou que o hardware do gadget tem componentes parecidos com o do tablet Kindle Fire, fabricado pela Amazon. Por ser tão simples, o custo para produzi-lo também é considerado baixo, pois cada unidade sai por US$ 184 (R$ 368, sem impostos).

Sinônimo de prejuízo?

O preço baixo de venda rende uma margem de lucro muito baixa para a Google e a ASUS, as empresas responsáveis pelo novo tablet. No entanto, elas não estão focando o seu retorno na venda dos aparelhos. Segundo o site americano, ao ligar um Nexus 7 vão aparecer diversos ícones de aplicativos direcionados para a compra na Google Store.

Com isso, o objetivo desta nova empreitada é o de entrar no mercado da Amazon — uma grande concorrente neste segmento de tablets baratos — e também coloca a loja online cada vez mais em evidência, ofertando todos os arquivos multimídia possíveis.

Fonte: TechInsights

Cupons de desconto TecMundo: