O comandante Dan Burbunk, um dos integrantes da equipe que está na Estação Espacial Internacional neste momento, capturou ontem uma das mais belas imagens já registradas de um cometa no espaço. As fotografias são do Lovejoy, um cometa feito de poeira e gelo que passava em frente ao Sol.

Apesar de parecer estar em rota de colisão com a estrela, o corpo celeste sobreviveu à passagem e produziu algo que parecia ser um risco que podia ser visto das janelas da Estação Espacial. Habitantes da Tasmânia e das Filipinas, região por onde a Estação estava passando naquele momento, também confirmaram a visão.

Mesmo que o Lovejoy também tenha sido visto daqui, nenhum mirante na Terra poderia ter uma vista tão boa quanto à dos astronautas orbitando o planeta a mais de 380 quilômetros da superfície terrestre.