O projeto New Shepard, que está sendo desenvolvido pela Blue Origin (empresa da qual Jeff Bezos, diretor-executivo da Amazon, é proprietário), acabou de dar mais um grande passo. Recentemente, Rob Meyerson, presidente da Blue Origin, revelou que os engenheiros responsáveis pelo projeto finalizaram o motor BE-3 com sucesso.

Até o momento, poucas informações a respeito da cápsula espacial foram divulgadas. Contudo, já é certo que o projeto visa comportar até três passageiros, e ainda sobrará espaço para transportar bastante carga. A New Shepard está sendo construída para realizar voos suborbitais, o que pode, no futuro, se tornar uma prática útil para enviar materiais para a Estação Espacial Internacional.

Entretanto, ainda estão previstos dezenas de voos não tripulados para realizar os mais variados testes, sendo cerca de uma dezena deles partindo da base da Blue Origin no Texas. Além disso, para fechar um contrato oficial com a NASA (National Aeronautics and Space Administration) a Blue Origin precisa garantir que tudo esteja de acordo com os padrões da agência espacial, incluindo a comprovação do custo-benefício para terceirizar tal atividade.