Se o assunto é elevar o nível dos empreendimentos turísticos, a Boeing  está apostando alto dessa vez. Recentemente, a empresa revelou seus planos em desenvolver uma CST (Crew Space Transportation – transporte espacial tripulado) para o turismo. Em outras palavras, qualquer um que estiver disposto a investir algumas dezenas de milhões de dólares poderá sair da Terra e visitar uma estação espacial por alguns dias.

A Bigelow Aerospace (empresa aos moldes Las Vegas) recebeu da Boeing um contrato de 18 milhões de dólares neste ano. O investimento se refere ao desenvolvimento e aos testes de uma cápsula espacial para sete tripulantes. Como geralmente tais cápsulas requerem apenas quatro astronautas da NASA, os três lugares sobressalentes seriam destinados a turistas.

Boeing CST-100, renderização artística.

Segundo a Boeing, ainda é muito cedo para se falar em um preço final, mas afirma que já está preparada para conversar com os interessados. Segundo estimativas, as viagens devem começar por volta de 2015. Os planos da empresa apontam que o passeio deve ser competir com o Soyuz Flights. Já operante, o pacote russo cobra 40 milhões de dólares pelos oito dias de ida e volta até a estação ISS.

Esse pode ser mais um passo em direção à exploração espacial digna de ficção científica. Embora longe de se tornarem populares, passeios como esse podem arrecadar o investimento necessário para o desenvolvimento de novas estações espaciais e, por que não, o início de uma colonização humana além da estratosfera terrestre.

Cupons de desconto TecMundo: