Quer comprar um brinquedo de 4,1 toneladas? O frete não está incluído. (Fonte da imagem: Reprodução/ASR Technica)

A NASA tem uma longa história na exploração espacial, tendo atingido seu auge durante a Guerra Fria. Agora, a agência está tentando se livrar dos equipamentos sobressalentes que possui, herança dos programas descontinuados Apollo e Space Shuttle. Três bases móveis para lançamento de foguetes estão sendo vendidas em um leilão. Dessa maneira, quem der o maior lance terá que levar o equipamento para casa literalmente, já que a NASA deixou claro que o vencedor do leilão deverá mover as bases compradas por conta própria.

O problema é que essas bases foram construídas nos anos 1960 para o programa Apollo e depois adaptadas para o Space Shuttle na década seguinte. Com o fim dessas iniciativas, a agência não deve mais se aproveitar do equipamento.

Entre os possíveis compradores estão duas empresas privadas dos EUA, SpaceX e Blue Origin. Essas duas companhias têm ambições de mandar missões tripuladas comercialmente para o espaço. Dessa maneira, ter estruturas de lançamento como essas já prontas seria um ótimo negócio para qualquer uma delas. Ambas estão ainda interessadas em um dos sítios de lançamentos da agência estatal, justamente o maior e mais próximo da Linha do Equador, o Launch Complex 39.

Não há detalhes sobre outros interessados na compra das bases móveis da NASA, mas acredita-se que governos estrangeiros talvez possam se interessar pelo equipamento.

Cupons de desconto TecMundo: