Uma das primeiras imagens capturadas pela sonda. (Fonte da imagem: Reprodução/TheGuardian)

Com a chegada da Curiosity a Marte, muitos fãs e aficionados por aliens ficaram ansiosos para saber o que seria descoberto. Passado algum tempo, a maioria dessas pessoas ficou bastante decepcionada, afinal de contas, nada de espantoso foi achado.

Apesar desse trabalho “monótono”, os sensores da Curiosity toparam com algo que está deixando os cientistas da NASA muito animados. Segundo John Grotzinger, que é o principal pesquisador na análise das informações da sonda, esses novos dados têm grandes chances de entrar para os livros de História.

Contudo, a agência espacial não confirma e nem divulga nenhum fato concreto, pois ela não quer se arriscar a divulgar algo que não seja verdade, já que isso tiraria o crédito de resultados futuros que viessem da Curiosity.

Talvez exista vida em Marte

Segundo Grotzinger, o robô encontrou traços de metano em uma amostra de ar marciano — e essa substância, pelo menos na Terra, é produzida por seres vivos. No entanto, os cientistas vão levar algumas semanas pesquisando essa informação, porque é necessário saber se a sonda não carregou o gás até Marte, o que iria “adulterar” as análises.

Cupons de desconto TecMundo: