Lembra-se dos televisores CRT que tinham mais de meio metro de profundidade? Pois está na hora de esquecê-los! Isso porque os aparelhos estão ficando cada vez mais finos e com imagens mais bem definidas, oferecendo melhorias significativas para os usuários que conseguem trocar seus eletrônicos e acompanhar o mercado.

A LG, uma das maiores fabricantes de produtos eletrônicos de todo o mundo, anunciou durante a IFA 2010 o lançamento de seu novo televisor, o LEX8 Nano: o primeiro a utilizar nanotecnologia para reduzir tamanhos e ampliar a qualidade na imagem fornecida aos compradores.

Nano Light é o nome da tecnologia criada pelo departamento de pesquisa e desenvolvimento da LG. Este recurso coloca uma película ultrafina única sobre os diodos de emissão de luz, fazendo com que a tela OLED seja percebida de uma maneira mais uniforme, melhorando a qualidade da imagem emitida.

Ultrafinos e um pouco caros

Divulgação/LG

Estes aparelhos que possuem frequências de até 480 Hz (o que permite a reprodução de imagens em 3D) também oferecem mais dois novos recursos aos consumidores: Micro Pixel, que adiciona mais gama e contraste por controlar blocos separados de LEDs e também um painel antirreflexo, que garante menos interferência de luzes externas. Os preços, é claro, ainda não são os mais acessíveis e podem chegar a mais de 10 mil reais.

Cupons de desconto TecMundo: