(Fonte da imagem: Reprodução/Thinkstock)
O Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) anunciou, nesta semana, que deverá investir R$ 110 milhões na área de nanotecnologia nos próximos três anos. O objetivo é apoiar empresas e laboratórios desse setor que está crescendo em larga escala em nosso país.

Segundo o representante do MCTI, Adalberto Frazzio, esse investimento apresenta um aumento substancial em relação aos anos anteriores. Além disso, o setor também ganhou novo impulso com o surgimento Comitê Interministerial de Nanotecnologia (CIN) — formado este ano e composto por oito ministérios.

Dos 110 milhões de reais que serão investidos, 80 vão ser direcionados para áreas específicas do Plano Brasil Maior e 30 à subvenção econômica para inovação nas empresas, por meio da Agência Brasileira da Inovação.

O estudo e a pesquisa em nanotecnologia resultam em novos materiais, produtos e processos que são criados por meio da manipulação de átomos e moléculas. Atualmente, há a previsão de que o mercado total de produtos que incorporam nanotecnologias atinja US$ 693 bilhões até o final de 2012 e cerca de US$ 2,95 trilhões em 2015.

Cupons de desconto TecMundo: